Mostrando postagens com marcador #vaza jato. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador #vaza jato. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 7 de outubro de 2019

Jânio de Freitas: "Sérgio Moro é o maior e mais grave caso de impunidade no Brasil"

Depois da pesquisadora Érica Gorga, doutora em direito comercial pela USP e doutora pela Universidade do Texas, expor em artigo publicado no jornal Folha de S.Paulo a situação esdrúxula da farsa da Lava Jato na aplicação das penalidades, foi a vez do jornalista Jânio de Freitas abordar a atuação do ex-juiz e atual Ministro da Justiça, Sérgio Moro, como um caso grave de impunidade no Brasil.
Leia Mais ►

terça-feira, 3 de setembro de 2019

Lava Jato: Deltan Dallagnon captava recursos de empresários para o Instituto Mude-Chega de Corrupção

Da Agência Pública - O coordenador da força-tarefa da Lava Jato, Deltan Dallagnol, captou investimentos de grandes empresários para financiar o Instituto Mude - Chega de corrupção, criado para promover, além da própria operação, as dez medidas de combate à corrupção e suas opiniões políticas. Mensagens trocadas entre o procurador e membros do Instituto Mude no Telegram, recebidas pelo Intercept Brasil e analisadas em conjunto com a Agência Pública, revelam que ele se reuniu com empresários, às vezes a portas fechadas, na sede da Procuradoria, para arrecadar verbas para a entidade.
Leia Mais ►

terça-feira, 27 de agosto de 2019

Vaza Jato: procuradores ironizaram morte de Marisa e do irmão de Lula; "só queria passear"

Novos diálogos dos procuradores da Lava Jato revelados pelo site The Intercept, em parceria com o portal UOL, mostram que integrantes da força-tarefa ironizaram a morte da ex-primeira dama Marisa Letícia. "Estão eliminando as testemunhas...", disse  o procurador Januário Paludo. Nas mensagens Telegram, eles dizem que Lula "faria uso político" da morte de sua esposa, questionaram a causa da morte de Marisa e criticaram até mesmo a morte de Vavá, alegando sobre Lula que "o safado só queria passear".
Leia Mais ►

sábado, 17 de agosto de 2019

Para ministros do STF, Moro manobrou para julgar Cunha em Curitiba. Por Kennedy Alencar

Publicado no blog do Kennedy - via: DCM: Dois ministros do Supremo Tribunal Federal avaliam que o então juiz Sergio Moro não quis apreender telefones celulares de Eduardo Cunha para evitar que pessoas com foro privilegiado tirassem as investigações da 13ª Vara Federal em Curitiba e as levassem para o STF.
Leia Mais ►

sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Dallagnol tentou conectar ministro Dias Toffoli a casos de corrupção

Do Conjur - Conversas entre procuradores da "lava jato" mostram que Deltan Dallagnol tentou conectar o ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal, aos casos de corrupção alvo da operação. A Constituição determina que procurador de primeira instância, como Dallagnol, não tem competência legal para investigar membros do STF.
Leia Mais ►

quarta-feira, 31 de julho de 2019

Nem russo e nem petista: hacker de Araraquara era "ostentação". Por Ivan Longo

Por Ivan Longo* - Há algumas semanas, em meio à divulgação de matérias da Vaza Jato, que vêm desnudando a operação Lava Jato e apontando um conluio com nuances parciais entre procuradores do MPF e o ex-juiz, hoje ministro da Justiça, Sergio Moro, a página Pavão Misterioso, oráculo bolsonarista que seria administrado por Carlos Bolsonaro, além da própria Polícia Federal, vinham aventando a possibilidade de que "hackers russos" teriam invadido os celulares de autoridades e repassando as mensagens ao The Intercept Brasil. Havia a desconfiança de que os russos, ainda hoje associados pela direita brasileira aos antigos comunistas soviéticos, eram pagos pelos seus serviços com criptomoedas.
Leia Mais ►

sábado, 27 de julho de 2019

Os indícios de crime de Luiz Fux e Deltan Dallagnol, por Luis Nassif

Por Luis Nassif, no GGN - As últimas revelações do dossiê Intercept, sobre as palestras de Deltan Dallagnol e Luiz Fux para uma plateia fechada da correora XP, traz os primeiros indícios concretos de cometimento de crime. A palestra foi intermediada pela esposa do procurador que conduzia todo o trabalho na Procuradoria Geral da República Eduardo Pelela, como o braço direito do PGR Rodrigo Janot.
Leia Mais ►

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger