quarta-feira, 10 de junho de 2009

Administrando melhor suas finanças pessoais.

É comum, especialmente para a classe dos assalariados verificar que no decorrer do mês em relação ao montante de dinheiro que se produz, "sobrar mês e faltar salario". A verdadeira ginástica monetária a que nos submetemos mensalmente para fechar receitas com despesas domésticas fatalmente nos leva a um estado de stress.
Basta um pequeno deslize na forma de como utilizamos nosso poder de compra para termos que executar o plano B. Transferindo algum compromisso a ser quitado para o mes vindouro.
Esta ação emergencial irá com certeza detonar alguns pequenos sonhos de consumo, que se tinha em mente. Como adquirir um novo eletrodoméstico, fazer um novo curso, ou até mesmo realizar aquela viagem que a tempos sonhamos.

A verdade é que vivemos em um sistema capitalista em que não podemos ignorar, que é cada vez mais importante sabermos lidar ou administrar com eficácia a quantia que dispomos para suprir nossas necessidades básicas. E ter em mente que entre outras coisas, poupar o excedente caso ele exista, com vistas às despesas emergenciais ou contingências futuras.
Tanto à escassez, quanto ao excedente do orçamento doméstico por mínimo que seja, deve ser dado muita atenção.
É necessário estar atento às armadilhas que sugam homeopáticamente nosso orçamento.
A primeira delas é sem dúvida o cartão de crédito, utilizado pelo comércio em geral para levar-nos a consumir muitas vezes sem necessidade. "Compre em dez vezes no cartão!". E segundo as promoções. "Leve três e pague dois", "compre agora e só comece a pagar em setembro", "compre e concorra a tal prêmio". Essa estratégia comercial muitas muitas vezes nos leva a comprar um produto sem ter a real necessidade.
Toda essa febre de consumismo envolve muito o emocional, por isso é preciso fundamentalmente tratar a questão do dinheiro da forma mais racional possível. Seria como colocá-lo em nossa frente e se convencer definitivamente que ele é um meio, não um fim. Que é nosso servo, não nosso Deus.
Levando em conta que um número razoável de pessoas depende de um orçamento familiar, há de haver a conscientização necessária para que todos os elementos envolvidos, participem da gestão em melhor administrar com seriedade esses recursos, sob pena de estes serem sempre insuficientes à medida em que vão surgindo novas necessidades.
Se cometermos abusos aparentemente insignificantes, cria-se uma bola de neve que irá crescendo lentamente, e quando nos damos conta estamos de frente à uma situação de insolvência, em um beco sem saída.
É de extrema importância definirmos a urgência e a prioridade das despesas. Isto é, gastar no que se deseja ou naquilo que é realmente necessário e acima de tudo saber quanto realmente custa para nós em relação à quantia que podemos produzir.
Vamos exemplificar isto com este quadro de Conrado Navarro, autor do livro “Vamos falar de dinheiro?” (Novatec), que pode dar uma força na Conquista da sua Independência financeira.



Então, vamos adaptar este instrumento à nossa realidade para buscarmos um resultado eficaz com foco em nossa capacidade monetária. Evidentemente se você tem diferentes possibilidades, pode adaptá-lo conforme sua disponibilidade , prioridade, e desejo próprios! Considerando sempre o que é supérfluo e o que é realmente necessário.

Reflita sobre os ditos populares de que "dinheiro não trás felicidade - manda buscar", mas "felicidade pode estar onde menos se espera". Principalmente em administrar bem aquilo que se tem em mãos!

Veja mais DICAS DE CONTROLE FINANCEIRO PESSOAL. Trate do dinheiro como ele deve ser tratado.

Se você está gastando mais do que ganha uma pausa é fundamental. Lance mão de uma planilha de controle de despesas se for o caso. Pra mim não deu certo. Nunca gaste aquilo que você não tem.

Não seja avaro, mas lembre que disciplina é fundamental!

Se tiver paciência aí vai um: Planejamento Pessoal financeiro.
RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger