sexta-feira, 3 de junho de 2011

Culto à Santa Morte

Notícia curiosa vinculada no site da BBC Brasil, ontem. Um Culto místico muito curioso vem ganhando muitos adeptos na Cidade do México. A reportagem constatou que em um Bairro chamado Tepito, uma mulher de nome Enriqueta Romero, criou um templo para devoção à Santa Morte. O objeto de adoração é representado por um esqueleto feminino. A localização do templo é considerada um sinal da ligação do culto aos criminosos, pois a área é considerada uma das mais perigosas da cidade e refúgio de bandidos.
Por ser o México um país muito católico, obviamente a Igreja rejeita tal culto, afirmando não passar de uma superstição "e tem um elemento diabólico". "A Santa Morte é inaceitável, é impossível ser católico e ser devoto da Santa Morte, afirma o porta-voz da Igreja no México, Hugo Valdemar".

Pelo fato ter ocorrido recentemente causou uma certa perplexidade, pois muitos desconhecem, ou desconheciam, como eu, que o Culto à Santa Morte já existe há algum tempo, e também é conhecida como Doña Sebastiana ou "La Santa Muerte". Fiz uma rápida pesquisa sobre o assunto e constatei que "em 24 de março de 2009, autoridades mexicanas destruíram 30 capelas dedicadas a Santa Morte nas cidades de Nuevo Laredo e Tijuana em resposta às suas fortes associações com traficantes de drogas e a pedido de moradores locais". Este dado foi editado na Wikipédia com referência ao artigo publicado no site Signon San Diego, sob o título: New front in war on drug gangs, ou seja, Nova frente na guerra contra as quadrilhas de traficantes (em tradução livre-Google).

Esta prática esquisita e estranha, para não dizer curiosíssima, seria mais um dessas crendices populares que nascem fortuitamente do inconsciente coletivo e aos poucos ganham ares de religião. Interessante notar que, para uma pessoa se tornar um santo, ou santa, é necessário primeiramente que tenha levado uma vida exemplar sem vícios e sem pecados. Passe pelo processo de beatificação, e para tanto teria que comprovadamente, ter realizado um milagre. Testemunhado pela pessoa, ou pessoas que teriam recebido a graça. Seguindo assim para o reconhecimento de "Santo", em conformidade com as Leis e Normas específicas, determinadas pela Igreja Católica. Já em outras grandes religiões este processo não existe. Não é isso? 

Enfim, religião e crenças, são caminhos perigosos. Também não é o nosso negócio fazer disso um assunto recorrente por aqui. Porém, no caso dessa reportagem, uma coisa realmente intriga: o objeto de devoção ser um esqueleto feminino. Na verdade uma Caveira! Estranho. Muito estranho. Não acha?

Fique com o vídeo da reportagem:



Com informações: Último Segundo.IG
     
RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger