segunda-feira, 11 de julho de 2011

Futebol - Seleção Feminina dá adeus ao mundial. Masculina empata outra vez

Fatalidade. Foi o que aconteceu com a seleção feminina de futebol no estádio Glücksgas Stadion, em Dresden, na Alemanha. Deixou escapar a vitória ao tomar o gol de empate no último minuto do segundo tempo da prorrogação. Perdeu nos penaltis para os EUA, e está fora do mundial. Menos amargo, e um pouco menos sofrido, foi o com resultado da seleção masculina na Copa América 2011. O empate contra o Paraguai, veio aos 45 minutos da segunda etapa. Confira os principais lances das duas partidas.


A seleção brasileira feminina tomou o primeiro gol logo no primeiro minuto de jogo. Daiane se antecipou para interceptar um cruzamento, pegou mal na bola, e jogou contra as próprias redes do Brasil. O bom futebol das meninas brasileiras só voltou após uma belíssima jogada da melhor do mundo. Marta, aplica um duplo lençol na saga americana e sofre penalti. Christiane bate, e a bela goleira Hope Solo, defende. A bandeirinha alega que ela se adiantou e a juíza manda voltar. Desta vez, Marta, cobra e empata o jogo, ao 22 minutos do segundo tempo. O jogo vai para a prorrogação, e Ela mesmo, com um golaço por cobertura, coloca o Brasil na frente. No final, a surpresa. Em um cruzamento longo para a área, a goleira brasileira, Andreia, sai mal na bola, e a atacante Wambach cabeceia para empatar. Resultado final nas penalidades: Brasil 3 x 5 EUA.  Brasil eliminado da Copa do mundo de futebol feminino de 2011 na Alemanha.





Do outro lado, aqui na Argentina, mais precisamente no estádio Mário Kempes, em Córdoba, o técnico Mano Menezes , apresenta uma surpresa na escalação da equipe. Entra com Jadson, meia do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. Tomados por certo nervosismo, Neymar, Ganso e Jadson, não conseguiam armar as jogadas no meio campo. Este, levaria cartão amarelo aos 32 minutos por jogada violenta. Por ironia, Jadson recebe a bola de Ganso, aos 39' do primeiro tempo, e de fora da área manda uma bomba para fazer Brasil 1 x 0 Paraguai. O gol não diminui o ímpeto dos paraguaios. Empurrados pela torcida, e diante da apatia do brasileiros, terminam melhor o primeiro tempo.

O Brasil volta para a segunda etapa com Elano, no lugar de Jadson. Perde em criatividade. Continuam as vaias da torcida, e jogadores persistem nos erros. O Paraguai cresce, e aos 10 minutos empata o jogo com o atacante Santa Cruz. Aos 22' vem a virada através de Haedo Valdéz. O atacante bate forte de dentro da área para a defesa do goleiro Julio Cesar. Caprichosamente, a bola rebate no corpo do paraguaio e vai para o fundo do gol.

Neymar não se achou na partida, e foi substituído por Fred. Quem reagiu foi o meia Ganso. Sob os gritos de olé, a favor dos rivais, achou Fred no meio dos zagueiros. O centro avante bateu forte, sem chances para o goleiro Villar. Era o gol de empate, aos 45 minutos. Placar final: Brasil 2 x 2 Paraguai. Para alívio geral. 

Só a vitória interessa para o Brasil no próximo confronto, que será na próxima quarta-feira, às 21:45 hs, quando enfrentará a seleção do Equador.





Com informações: Esportes.terra.
Imagem: Kigol.
          
RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger