quarta-feira, 20 de março de 2013

Neymar x Messi - até quando vai esta comparação?


Há alguns dias está rolando um novo vídeo no Youtube comparando o jovem craque Neymar ao melhor do mundo, Messi. O que a dá para notar neste vídeo é que existe uma leve tendência a exaltar as grandes jogadas do argentino e poucas jogadas do jogador santista e da seleção brasileira.
Existem muitos outros lances espetaculares produzidos por Neymar, como por exemplo a jogada do gol que lhe rendeu a conquista do troféu Puskas da Fifa. Enquanto mostra Messi na insistência em prosseguir a jogada quando sofre uma marcação mais forte, uma particularidade que ainda o jovem craque da Vila ainda não desenvolveu, as imagens de Neymar no chão são uma constante.

Isto é, fica patente a raça argentina do jogador do Barcelona, por três vezes escolhido como melhor do mundo, enquanto que o "cai cai" do brasileiro, que já passou do admissível e está se tornando costumeiro é mostrado várias vezes. Mas, em vários lances a falta existiu. (Veja o vídeo abaixo).

Entretanto, uma ressalva precisa ser feita. Em muitos lances dá para notar a excessiva força empregada pelo marcador adversário na tentativa de parar o jogador, matar a jogada e ou ferir seriamente o atacante. O resultado poderá ser uma contusão ou trauma físico que paralisaria sua carreira, talvez indefinidamente. No caso de Neymar, uma carreira sem dúvida brilhante. Não como a de Messi, certamente gloriosa e marcante. Mas, já consagrada. 

Talvez aí exista a temeridade de ficar de fora. E a reação normal é a de pipocar na hora do vamos ver. De similar a falta que muitas vezes não existiu, da tentativa de iludir a arbitragem. Atitudes não recomendáveis para quer quer ser um grande astro do futebol. Mas que são expressadas justamente pela por falta de experiência.      

Mais uma vez a mídia esportiva dá uma importância inconsequente ao comparar o jovem Neymar ao melhor jogador do mundo, em vista das imagens compiladas por este novo vídeo. Se o torcedor refletir um pouco mais, sem o afloramento das paixões, o que é pouco provável em se tratando de futebol, chegará à conclusão que não dá mesmo para comparar. O dois pertencem mundos e escolas diferentes.

Messi, construiu toda sua história no futebol europeu, em uma outra realidade.Tem mais bagagem, adquirida jogando ao lado de craques consagrados. Tem mais idade que o brasileiro. Neymar é um craque que percorreu metade do caminho percorrido por Messi. Vamos dizer que seus colegas de trabalho estão longe dos milhões que ele ganha. Neymar é o 5º jogador mais bem pago do futebol mundial. É a única estrela do time, que na maioria das vezes joga em função dele.


É atualmente o jogador mais visado do futebol brasileiro. Foi também contra as equipes estrangeiras quando atuou pela Seleção brasileira, notadamente com as sul-americanas. Quem assistiu ao último clássico contra o timaço do Corinthians pode observar que anularam o craque santista. Por outro lado, sua última atuação contra o Guarani pelo campeonato paulista comprovou que é capaz de desequilibrar uma partida. Mesmo sem ter marcado gol, contribui diretamente para a vitória realizando uma jogada que poucos são capazes e que resultou no gol da vitória da equipe. Em outros momentos também foi assim.  

É verdade que Neymar não foi muito bem nos jogos em que atuou pela seleção brasileira. Note-se porém que não temos nenhum outro que esteja apresentando um futebol vistoso como aquele dos grandes craques que já tivemos. Salvo poucas exceções experientes jogadores atuando há tempos lá fora.

Para que o craque brasileiro chegue ao patamar dos melhores do mundo e mereça comparações, primeiramente vai ter que amadurecer um pouco mais. Não dar tanta importância ao glamour natural da mídia, próprio das eminentes ídolos e estrelas no despontar para o estrelato. Ter humildade suficiente para aceitar os puxões de orelha que tem levado. Como aquele de Pelé, que intencionalmente tem com objetivo corrigir um desvio de comportamento em vez de critica destrutiva.

No fim das contas, se transferir para uma grande equipe da Europa. É lá que, infelizmente poderá se transformar em um dos grandes ícones do futebol. E se equiparar com o inigualável Messi. Se tiver sucesso como tantos outros, aí sim poderá ser comparado com os melhores do mundo. Antes porém, terá uma grande oportunidade de seguir o caminho da glória. Se sair bem e ter uma participação efetiva e vitoriosa na Copa das Confederações.  




Fonte: esportes.terra
Imagem: reprodução/R7


RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger