quinta-feira, 27 de março de 2014

Campeonato paulista - Na Vila, teve goleada outra vez. No Morumbi, deu zebra [vídeo]

Apesar de ter mais posse de bola durante a partida, a Ponte Preta não resistiu ao ataque infalível do Santos, que venceu com mais uma goleada na Vila. Foi a primeira equipe a se classificar para a semifinal do campeonato paulista. O São Paulo era favorito no confronto com a Penapolense, mas passou em branco no tempo normal de jogo e foi eliminado nos pênaltis, em pleno Morumbi.
A Penapolense irá enfrentar o Santos em semifinal paulista inédita, na Vila.
Confira abaixo os melhores momentos dos dois jogos.

O Santos concedeu certa liberdade à Ponte Preta, que tocava a bola com facilidade sem no entanto criar situação real de gol. Talvez uma, com Alemão cabeceando pra fora. Até que o ataque mais positivo do campeonato paulista deu o primeiro bote. Aos 21 minutos, após cobrança de escanteio, Neto cabeceia, Ferrugem corta parcialmente, e Cícero aproveita o rebote para abrir o placar para o Peixe.

Logo aos 3' do segundo tempo, Leandro Damião faz boa jogada com passe de bicicleta para Geuvânio se livrar da marcação e bater forte para marcar o segundo. O terceiro gol saiu aos 15', com Gabigol. Por alguns instantes a Macaca chegou a retomar o equilíbrio do jogo, mas continuou sem efetividade no ataque, até levar o quarto gol. Aos 34', Cícero cruzou para Diego Cardoso, substituto Leandro Damião, que sem dificuldade empurrou para dentro do gol. Santos 4 x 0 Ponte Preta 0, placar final. 



Não estava nos planos do técnico Muricy Ramalho ver o São Paulo derrotado em pleno Morumbi, pela Penapolense. Muito menos empatar no tempo regulamentar e perder nos pênaltis. Predominou o equilíbrio por todo o primeiro tempo do jogo, praticamente sem chances de gols para amos os lados. Único bom lance, foi um chute de Ganso, em que o goleiro Samuel praticou boa defesa.

Nos primeiros quinze minutos da segunda etapa, a Penapolense chegou a pressionar o tricolor, mas pecou na finalização. Seguiram-se momentos de pressão de ambas as partes, mas a equipe do interior teve mais paciência e conseguiu levar a decisão para os pênaltis.

Na terceira cobrança, Samuel defendeu o chute de Rodrigo Caio. Na quarta, o goleiro pega a cobrança de Ganso. O juiz manda voltar, alegando que Samuel se adiantou. Na segunda vez, Ganso converte. Neto, garantiu a classificação inédita da Penapolense para a semifinal, batendo com perfeição. São Paulo o (4) x 0 (5) Penapolense.





(com informações da Gazetaesportiva)
Imagem: reprodução/créditos: Ricardo Matsukawa/Terra 


RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger