quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Brasileirão 2014 - Internacional assume a vice-liderança

Em confronto válido pela 24ª rodada do campeonato brasileiro, o Inter venceu o Criciúma por por 3 x 0, ontem (24), no Beira Rio. Somou 44 pontos e assumiu a vice-liderança do campeonato brasileiro. Posição ocupada antes pelo São Paulo, que ficou no empate em 2 x 2 com o Flamengo, no Morumbi. Veja os melhores momentos dessas duas partidas e de outras cinco da 24ª rodada do Brasileirão 2014, ocorridas nesta quarta-feira (24).
O líder Cruzeiro venceu o Coritiba por 2 x 1, no Couto Pereira. Marcelo Moreno, de pênalti, marcou o primeiro do Cruzeiro. Éverton Ribeiro (ex-Coritiba), foi o autor do segundo gol para os mineiros. Martinuccio diminuiu para os paranaenses, aos 15' do segundo tempo. Cruzeiro está com 8 pontos a mais que o segundo colocado na competição. Coxa desce para a 18ª posição na ZR, que tem Botafogo, Criciúma e Palmeiras.


O Palmeiras pode deixar a lanterna e mandar o Vitória de volta a Zona perigosa, seu adversário de logo mais no Pacaembu. Isso pode acontecer se o Botafogo não passar pelo Goiás, no mesmo horário (19:30 hs), no Maracanã. Caso vença, sai o Fogão e ficam Palmeiras e Vitória entre os quatro últimos colocados. Também nesta quinta-feira, às 20:30 hs, Atlético mineiro e Santos jogam no Independência, completam a rodada.

Outros resultados desta quarta-feira: Bahia 1 x 0 Sport, na Fonte Nova; Chapecoense 3 x 0 Atlético-PR, na Arena Conda; Fluminense 0 x 0 Grêmio, no Maracanã; e Figueirense 1 x 0 Corinthians, no Orlando Scarpelli. Esta derrota deixa o Timão fora do G-4, com 40 pontos. Mesma pontuação que ficou o Grêmio, em 4º lugar na tabela de classificação.   

Tanto na partida na partida que reuniu flamenguistas e são-paulinos, e cruzeirenses e a equipe paranaense de Curitiba, a arbitragem voltou a ser assunto nas principais páginas esportivas. Novamente, erros de apito prejudicaram uma equipe e beneficiaram outra. No pênalti que resultou no primeiro gol da Raposa contra o Coxa, antes da cobrança do escanteio, o volante Germano agarrou o cruzeirense Nilton e o árbitro Vinícius Furlan, marcou sem titubear.

Já nos acréscimos, quando o placar marcava 2 x 1 para o Cruzeiro, um lance bastante semelhante aconteceu na área cruzeirense. Zé Love foi agarrado por Ceará, mas o juiz mandou a jogada seguir. Definitivamente, a sorte parece ter abandonado o Alviverde paranaense em seus últimos jogos e sistematicamente vem sendo prejudicado pela arbitragem.

Neste jogo, o Coritiba bem que poderia ter saído com um empate. Seria um resultado mais justo. Além deste lance duvidoso, aos 32' do segundo tempo o mesmo Zé Love cabeceou para a defesa espetacular do goleiro Fabio, que salvou o líder do Brasileirão 2014 de tomar o gol de empate.

Na partida entre o rubro-negro carioca e o tricolor paulista, o Flamengo provou do mesmo veneno que prejudicou seus últimos adversários nos últimos jogos. Dois pênaltis marcados a favor do São Paulo, foram no mínimo questionáveis. Erro crasso de arbitragem no primeiro, em que Rogèrio Ceni bateu e abriu o placar, o atacante Pato "cavou" a falta tropeçando na própria perna. 

No segundo, defendido por Paulo Victor e batido por Ceni, o zagueiro Samir deu um tapa na bola fora da área. E o juiz André de Luiz de Freitas Castro assinalou a penalidade máxima. Aos 44 minutos do segundo tempo, Luís Fabiano marcou o gol de empate para o tricolor, na sequência da cobrança de uma falta que não existiu.
















(com informações do superesportes/esportes.terra)
Imagem: reprodução/Terra/Foto: Euler Andrey/Getty Images

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger