quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Presidente Dilma Rousseff sanciona mudanças na aposentadoria

Reuters (*) - "A presidente Dilma Rousseff sancionou o projeto de lei que cria uma regra alternativa ao fator previdenciário para as aposentadorias, mas vetou a chamada desaposentação, informou o Diário Oficial da União desta quinta-feira.


As novas regras para aposentadoria, aprovadas pelo Congresso em outubro, estabelecem a nova fórmula 85/95, em que a idade do trabalhador é somada a seu tempo de contribuição até que se alcance 85 para mulheres e 95 para homens.


Com a sanção de Dilma, a fórmula passa a ser uma alternativa ao fator previdenciário, mecanismo que penaliza as aposentadorias precoces. A regra vale até 2018 e, a partir de então, começa a avançar um ponto a cada dois anos, alcançando 90/100 em 2027.

Dilma, no entanto, vetou, entre outros, o artigo aprovado pelos parlamentares que previa que pessoas que continuassem a trabalhar depois de aposentadas poderiam pedir o recálculo da aposentadoria depois de cinco anos de trabalho, a chamada desaposentação.

Segundo justificativa para o veto publicada no Diário Oficial, a desaposentação "contraria os pilares do sistema previdenciário brasileiro, cujo financiamento é intergeracional e adota o regime de repartição simples".

O governo estima que a desaposentação, se sancionada, teria um custo de pelo menos 70 bilhões de reais em 20 anos.

Em 2014, a Previdência fechou o ano com um déficit de 56,7 bilhões de reais."

O cálculo das aposentadorias , passa a ser o seguinte:

"- Em 31 de dezembro de 2018 (haverá o aumento de 1 ponto na fórmula 95/85)
A fórmula será: 86 para mulheres e 96 para homens

- Em 31 de dezembro de 2020 (haverá o aumento de 2 pontos na fórmula 95/85)
A fórmula será: 87 para mulheres e 97 para homens

- Em 31 de dezembro de 2022 (haverá o aumento de 3 pontos na fórmula 95/85)
A fórmula será: 88 para mulheres e 98 para homens

- Em 31 de dezembro de 2024 (haverá o aumento de 4 pontos na fórmula 95/85)
A fórmula será: 89 para mulheres e 99 para homens

- Em 31 de dezembro de 2026 (haverá o aumento de 5 pontos na fórmula 95/85)
A fórmula será: 90 para mulheres e 100 para homens."

(*) Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro
© Copyright Thomson Reuters 2012
(com informações do R7)
Imagem: reprodução/divulgação/créditos do Foto: Alison Coretti/Ministério da Previdência Social

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

2 comentários:

brasilpensador.blogspot.com disse...

tanto faz o fator previdenciario como esse ai sancionado pela Presidente sao contra os trabalhadores. O sistema prevê que daqui ha 10 anos mais ou menos o cidadao brasileiro terá uma expectativba de vida de mais 10 anos e por isso o aumento na aposentadoria. quer dizer nós teremos um monte de velhacos que nao servem para nada se aposentando com esse sistema. ou melhor nós teremos um monte de trabalhadores que trabalharam durante 20 30 anos que nao vao alcançar a aposentadoria pois vao morrer muito antes. isso é uma sacanagem contra o trabalhador que nao se unem para sair as ruas e mostrar suaforça. Para acontecer tal mudança pelo menos essa regra deveria mudar depois de 100 anos porque a expectativa de vida nao se altera de uma noite parta o dia. e ela nao pode ser observada em 10 20 08 30 anos. Nao é assim que funciona. A expectativa de vida do cidadao [é 60 anos de vida nao é para se aposentar. e sim para continuar vivo. Muitos apesar de contribuirem varios anos para a previdencia ficam pelo caminho muitas companheiras nao pegam ou nao tem direito a aposentadoria ou pensao do facelido ou facelida.entao qual a justificativa para se aumentar a idade de aposentadoria. CAÇA ASSIM PRESIDENTE PELO MENOS. A REGRA É 60 anos de idade mais 35 de serviço que vao á 95. em 2018 em 2018 ao passar para 96 diminui-se um ano de trabalho 96 e 59 anos de idade. vamos la. veja se voces colocam alguma coisa que dê direito ao trabalhador de fgozar da sua aposentadoria.

Rafael disse...

Sinceramente o absurdo contra o trabalhador é incontável, ver uma pessoa ter que fechar esta conta para se aposentar é ridículo, não continuaremos vivos para gozar de descanso, seremos utilizados até nossos ossos não mais resistirem e então seremos descartados da sociedade. Eu me sinto triste em pensar que o Brasil vive tamanhos retrocessos com uma sociedade e congresso cada vez mais conservadores e nosso governo de "esquerda" já tomou o caminho da direita faz muito tempo!

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger