domingo, 8 de outubro de 2017

Reforma Trabalhista no Brasil frusta empresários nos EUA

Durante uma reunião da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos realizada na semana passada, representantes de empresas globais declararam abertamente sua frustração com a Reforma Trabalhista, proposta pelo governo Temer. Eles estão desanimados, pois esperavam mais reduções de salários e direitos dos trabalhadores brasileiros.
A notícia foi capa do jornal Folha de S. Paulo desta terça-feira (03), que reporta ter ouvido alguns investidores presentes na reunião onde revelam seu desapontamento com a Reforma Trabalhista. Eles esperavam cortes mais profundos e lamentaram que os direitos trabalhistas garantidos pela Constituição, não tivessem acabados completamente.

"Então quer dizer que ainda não vamos poder reduzir salários?, indignou-se Terry Boyland, da empresa de tecnologia da informação CPQI, segundo a matéria. O empresário americano classificou o Brasil como anticapitalista.

De acordo com reportagem do The Intercept Brasil, das cinco empresas ouvidas pela Folha no evento, duas foram investigadas ou estão envolvidas na Operação Lava Jato. As outras três tem interesses diretos nos efeitos da reforma. Juntas, elas representam a voz do tal "mercado", que foi quem encomendou a Reforma Trabalhista. 

Conforme revela o The Intercept Brasil em outra reportagem, lobistas de bancos, indústrias e transporte estão por trás das emendas apresentadas à comissão especial da reforma. Mais de 52% dessas emendas, redigidas por lobistas, foram aceitas pelo relator e incorporadas ao projeto.

De acordo com outras matérias publicadas no The Intercept Brasil, a reforma cria brechas para que salários sejam reduzidos abaixo da média, no caso de remuneração por hora. E muitas dessas brechas foram redigidas pela Confederação Nacional das Instituições Financeiras (CNF), à qual pertencem alguns dos clientes da empresa CPQI de Terry Boyland, citado acima.

Estranho é que sindicatos e entidades representativas dos trabalhadores não tiveram voz e vez na elaboração da Reforma Trabalhita, proposta ou imposta pelo governo de Michel Temer.   


RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger