sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Deu a louca no PSL: Janaína contraria Flávio Bolsonaro e Frota ameaça revelar podres dos bastidores do partido

Da Redação do VioMundo - A deputada estadual Janaína Paschoal (PSL-SP), co-autora do pedido de impeachment de Dilma Rousseff, agora quer a cassação do presidente do Tribunal Federal, Dias Toffoli, que trancou uma ação contra Flávio Bolsonaro alegando uso indevido de relatório do Coaf, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras, ligado ao Ministério da Economia (o ex-juiz federal Sérgio Moro fracassou na tentativa de assumir o controle do Coaf ao se tornar ministro da Justiça).

A parlamentar alega que a decisão de Toffoli prejudica investigações contra a corrupção.

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) é suspeito de enriquecimento ilícito através de repasses de um ex-assessor e amigo da família Bolsonaro, Fabrício Queiroz.

Queiroz, que está desaparecido, admite que arrecadou dinheiro do salário de colegas de gabinete, quando Flávio era deputado estadual no Rio de Janeiro, para financiar atividades parlamentares do chefe, sem que Flávio soubesse ou tivesse recebido repasses. 

Queiroz comprovadamente transferiu R$ 14 mil à primeira dama Michelle Bolsonaro. 
Segundo o presidente Jair Bolsonaro, do parte do pagamento de um empréstimo que ele havia feito ao amigo.

Saques e depósitos em dinheiro levantaram a suspeita de que Queiroz trabalhava como uma espécie de "caixa informal" da família Bolsonaro, fazendo transferência de valores de origem duvidosa. 

Queiroz também é suspeito de ligações com milícia que controla território na Zona Oeste do Rio de Janeiro, comandada por investigados no assassinato da vereadora Marielle Franco (Psol-RJ).  

Apoiadores de Jair e Flávio Bolsonaro ainda não acusaram Janaína de ligações com o comunismo internacional. 

Janaína é integrante de um grupo batizado de MP-Pró sociedade. O texto do grupo endereçado ao presidente do Senado, casa do Congresso que pode cassar ministros do STF, diz:

A criminosa decisão do ministro ora denunciado causa danos irreversíveis à população com a obstrução de investigações efetuadas pela Polícia Judiciária e/ou Ministério Público, já que suspende todos os processos que usam dados fiscais e bancários de contribuintes sem autorização judicial, afetando diretamente o combate à lavagem de dinheiro no país, ou seja, a todas as investigações ligadas à corrupção, narcotráfico, roubo de cargas, contrabando, entre outros, inclusive, com reversão de condenações, bens e propinas confiscados ao longo dos últimos 20 anos.

PSL paulista em chamas

O PSL paulista está em chamas por causa da luta pela sucessão de Bruno Covas e João Dória, na prefeitura e no Palácio dos Bandeirantes. 

A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) acusa o deputado federal Alexandre Frota (PSL-SP), e a líder do governo Bolsonaro na Câmara, Joice Hasselmann, de serem mais fiéis a João Dória, do PSDB, do que ao PSL. 

"Por que Joice e Frota não migram logo para o PSDB de Dória?", declarou Zambelli. 

Frota, que tem causado polêmica por discordar do discurso oficial bolsonarista em algumas situações, respondeu que Zambelli é duas caras.

"Zambelli acho que vc deveria cuidar da sua vida, feio, um dia vc beija outro dia vc cospe. Duas caras a essa altura não dá. Cuida da vidinha seja feliz e me esqueça. Seja feliz", escreveu o parlamentar no tweeter.   

Frota fez acusações mais graves contra o líder do PAL no Senado, Major Olímpio (PSL-SP). 

Para Frota, o ex major da Polícia Militar pratica "coronelismo" e montou "milícia de ex-PMs" dentro do partido.

Segundo escreveu em rede social, até hoje estamos esperando a prestação de contas do Psl SP antes durante e depois da eleição. O Sr deixou 43 diretórios com sérios problemas estamos na liminar até hoje. Fora a sua milícia de ex PMs, em cada lugar que passo tem um Coronel que é dono do Psl

O senador reagiu levando Frota ao Conselho de Ética do partido.

Por causa disso, Frota teve o que é chamado de tweet storm, sugerindo que sabe de podres nos bastidores do PSL:      

Major Olimpio quem deveria ter sido colocado no Conselho de ética seria o SR por ter feito campanha falando pelo Psl para o Márcio França passando por cima de tudo e de todos. Agora fica rastejando atrás do Bolsonaro. O Sr é um falastrão, bobo e que joga do lado q te interessa. Major me coloca lá tenho bastante coisa mesmo pra falar. Sobre o lixo de Cubatão, sobre os problemas nos diretórios, sobre a Estadual, vai ser uma briga boa. Espero que aguente porque com a Joice [Hasselmann, líder do PSL na Câmara] o Sr sucumbiu foi humilhado ficou sem moral @majorolimpio igual bonco de posto. Major peito pra pedir conselho de ética pra quem fez rachadinha o Sr não teve, peito para pedir conselho de ética para quem tem as laranjas no partido o Sr não tem. Apoiou a decisão do Toffoli se calou no COAF, aplaudiu o nepotismo, onde está o Sr para defender a Prev da Pm? Eu entendi a manobra Major, mas ele precisa saber que não temos nem um Presidente Estadual que está dividido entre EUA e o Brasil. Aliás se tornou Presidente Estadual na marra e na marra vais ser Embaixador qualificação falar inglês, surfar, ser amigo do filho do Trump. 

Nesta última mensagem, Frota ataca Eduardo Bolsonaro, presidente do PSL paulista. O controle da máquina estadual é importante para futuras campanhas e foi transferido de Olímpio para o filho deputado federal do presidente da República. 

Imagem: reprodução/Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger