quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

Como o discurso de ódio na internet está matando as democracias

Um dos temas mais comentados do carnaval no Brasil, foi a agressão de Danilo Gentili à atriz Bruna Marquezine. Um exemplo de como a propagação do ódio na internet é uma atitude ilegítima, que atenta contra as democracias. Diante disso, vale a pena ver a palestra do jornalista Andrew Marantz, realizada para o TED.

Nela, o jornalista da revista New Yorker, autor do livro Antisocial sobre extremistas digitais, demonstra como a pessoas que se sentiam excluídas encontram abrigo nos discursos de ódio, no extremismo digital e nas fake news - fenômeno que ajudou a eleger populistas de direita como Donald Trump nos Estados Unidos e Jair Bolsonaro no Brasil. 

Andrew Marantz também demonstra que os algorítimos das redes sociais, em vez de conter o fenômeno, na realidade incentivam esse tipo de comportamento, uma vez que os conteúdos virais são muito mais movidos pelas emoções do que propriamente pela razão.

Confira a palestra: 


Fonte: 247
Imagem: reprodução/Foto: Marla Aufmuth/TED 

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger