segunda-feira, 20 de abril de 2020

Petróleo americano registra queda histórica e preço do barril se aproxima de 1 dólar

Por Lucas Rocha, no Fórum: Em razão da baixa demanda na busca por petróleo durante a pandemia do novo coronavírus, o barril de petróleo do tipo WTI sofreu uma queda histórica nesta segunda-feira (20). O valor do barril despencou de 18 dólares para uma cotação negativa.

Depois de sofrer uma baixa de cerca de 20% no final de semana e registrar os menores valores em 20 anos, o petróleo estadunidense despencou brutalmente nesta segunda, atingindo pela primeira vez na história um patamar negativo. 

A cotação negativa é referente aos contratos que vencem em maio e representa que os custos de armazenamento superaram o valor do produto. 

O jornalista Alexandre Aguiar aponta que o valor segue despencando. "Preço do contrato do barril de petróleo do tipo WTI para maio negociado agora em Nova York a 7 dólares NEGATIVOS, tuitou.

Segundo o economista Pablo Spyer, a redução está relacionada com o vencimento destes contratos e a dificuldade de armazenamento. Os estoques estão cheios. 

Clique aqui para acessar a íntegra da matéria. 

Imagem: reprodução/Foto: Pixabay

[Operadores do mercado de energia estão se livrando freneticamente dos contratos de maio do petróleo dos Estados Unidos, que estão prestes a expirar. Por volta das 15h58 (horário de Brasília), o barril americano West Texas Intermediate (WTI) perdia 211,17% e era negociado a -US$ 20,31 a unidade.Ao mesmo tempo, o barril de Brent do Mar do Norte, referência para o mercado europeu, recuava 8,44%, a US$ 25,71 o barril. 
Com o preço em terreno negativo, os produtores estão pagando para que o produto seja estocado]

[PS em O Essencial: "causa de guerras e fortemente indexado ao dólar, o petróleo deixa de ser referência para a economia neste momento, em que os países estão em quarentena. Os civilizados, em grau maior. Os bárbaros, como o Brasil, em grau menor. A causa da quede sem precedentes á atribuída  à inexistência de locais para estocar o produto. O movimento de transporte e o consumo de energia caíram fortemente, e não há perspectiva de retomada no curto prazo. Com a queda, o consumo dessa fonte de energia, a mais usada do mundo, também se reduz drasticamente.

É uma nova era."]
***

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger