terça-feira, 26 de maio de 2020

'Mais grave que ataque ao Supremo é país não ter projeto adequado para educação', diz Barroso sobre Weintraub

Do G1: o ministro Luís Roberto Barroso, novo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), afirmou nesta terça-feira (26) que mais grave do que ataques ao Superemo Tribunal Federal (STF) é a falta de projetos na área de educação. Barros se referia à declaração do ministro da Educação, Abraham Weintraub, que defendeu a prisão dos ministros do STF.

Barroso participou de uma entrevista coletiva, na qual foi questionado sobre a frase do ministro. Weintraub atacou o STF na reunião interministerial do dia 22 de abril, cuja gravação se tornou pública na semana passada, por decisão judicial. 

"O vídeo fala por si só e eu não gostaria de comentá-lo. Isso é o fato político do dia, portanto não é tema específico para um juiz se pronunciar. E uma coisa que eu aprendi na vida é que só a verdade ofende", respondeu Barros. 

"Porém, pensando do ponto de vista institucional, eu considero que mais grave do que o ataque ao Supremo é o país que não tem projeto adequado para a educação", completou. 

(...)

Imagem: reprodução/Foto: Carlos Moura/SCO/STF

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger