sexta-feira, 21 de agosto de 2020

Steve Bannon é visto em Atibaia

www.seuguara.com.br/Steve Bennon, Fabricio Queiroz,Atibaia,Estados Unidos,Donald Trump,
Por Renato Terra, na FSP - Depois de pagar fiança e ser solto, Steve Bannon se mudou para Atibaia. "Ouvi meus conselheiros no Brasil e parece que a aprazível cidade de Atibaia reúne todos os requisitos que me permitem continuar minhas atividades administrativas", celebrou.

www.seuguara.com.br/Steve Bannon/Atibaia/Renato Terra/Folha/
Em seguida, o estrategista abriu uma loja de chocolates. "Foi outro conselho dos meus amigos brasileiros. Parece que as franquias das lojas de chocolates possuem uma flexibilidade contábil altamente atrativa", explicou. O ex-estrategista da Casa Branca revelou também que estuda entrar no ramo de compra e venda de automóveis. 

No final, Bannon começou a recolher dinheiro para construir um muro em volta de Atibaia.


Via: Zé Beto

Imagem: reprodução


[Steve Bannon, um dos arquitetos da vitória da vitória eleitoral do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em 2016, foi preso e logo solto depois de concordar em pagar uma fiança estipulada de U$ 5 milhões. Mesmo em liberdade, o ex-conselheiro de Trump e guru de Eduardo Bolsonaro, que inclusive apoiou a campanha presidencial de Jair Bolsonaro (sem partido) em 2018, terá restrições de locomoção. Steve Bannon e outros amigos, juntaram mais de U$ 25 milhões numa campanha para construir um muro na fronteira com o México, mas os acusados teriam usado os recursos para uso pessoal. "Bannon comandava o site conservador Breitbart, cujo conteúdo dissemina informações duvidosas ou até mesmo falsas, e no segundo semestre de 2016 foi escolhido para liderar a reta final da campanha p´residencial de Donald Trump, também acusada de promover fake news.] 


[A seguir mais um texto humorístico em relação ao polêmico caso envolvendo o eminente estrategista - Rachadinha americana: Steve Bannon fez Workshop com coach brasileiro - ATIBAIA D.C. - A relação entre Steve Bannon - o ex-assessor de Donald Trump preso hoje nos Estados Unidos acusado de embolsar o dinheiro para a construção de um muro na fronteira do México - e Fabricio Queiroz - o faz-tudo-tudo-mesmo do clã Bolsonaro - está sendo investigada pela PF brasileira, pelo FBI, pela CIA, pela KGB, pela Scontland Yard e pelos Detetives do Prédio Azul. Indícios mostram que Bannon e Queiroz começaram a trocar dicas de rachadinha quando o brasileiro foi contratado para dar consultoria na construção do famigerado muro americano. O serviço logo evoluiu para uma saudável amizade e uma parceria na exploração de gatonet e botijão de gás na região de San Diego.

"Sou um cara de negócios. Eu faço dinheiro", explicou Queiroz sobre como chegou a Steve Bannon. "Compro, revendo, compro, revendo, compro muro, revendo muro, sempre fui assim. Gosto muito de comprar muro em seguradora, na minha época lá atrás, eu comprava um muro, mandava arrumar, revendia para um terreno grilado na Muzema. O Bannon achou qu esse meu Know how poderia ser útil lá com a mureta dele e do Trump contra essa corja de latino-americanos." O muro seria construído em 48 paredes de 2 mil tijolos cada.

Questionado sobre o envolvimento de seu ex-braço direito com Bannon, o presidente Jair Bolsonaro respondeu: "E daí? Isso é exportação de tecnologia brasileira pô! É bom pra balança comercial. Vamos lançar em breve o programa Milícia Sem Fronteiras justamente pra esse tipo de coisa daí, tá ok?"]

***


RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger