sexta-feira, 19 de novembro de 2021

Bolsonaro pediu para trocar "golpe militar" por "revolução" no Enem

Jair Bolsonaro pediu para trocar "golpe militar" por "revolução" no Enem. O pedido teria sido feito por meio do ministro da Educação, Milton Ribeiro, a servidores da pasta. A informação foi divulgada pela Folha de S. Paulo. Segundo o jornal, integrantes do MEC revelaram que Ribeiro comunicou o pedido do presidente a integrantes do INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), que realizam a prova do ENEM, e do MEC.

www.seuguara.com.br/INep/Enem/educação/

Mas o ministro da Educação não teria dado sequência à solicitação de Jair Bolsonaro, que então pediu para trocar "golpe militar" por "revolução" no Enem, pela burocracia que envolveria para modificar o exame.
 

A revelação ocorre na semana que Bolsonaro afirmou que o Enem começava a ficar com "a cara do governo", em críticas à prova. Nesse sentido, desde 2019, nenhuma questão sobre a ditadura do regime militar brasileiro (1964-1985) caiu no Enem, o que é inédito.


Da mesma forma, servidores do Inep já vem denunciando pressão e assédio, com medo de perseguições e punições, sofridos na pasta, às vésperas do Enem. Parte dos funcionários pediram demissão da pasta, em movimento recente, porque criticam o presidente Danilo Dupas. (Leia mais aqui


Segundo a Folha, eles narraram uma pressão no clima da instituição para não incluir na prova questões supostamente relacionadas à "esquerda" ou "ideológicas". 


Via: Jornal GGN

Imagem/reprodução/Foto: Marcello Casal/Agência Brasil


RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger