terça-feira, 16 de março de 2021

Presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia será o novo ministro da Saúde do governo Bolsonaro

www.seuguara.com.br/Marcedlo Queiroga/novo ministro da Saúde/

O presidente Jair Bolsonaro escolheu o médico Marcelo Queiroga, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), como novo ministro da Saúde. O cardiologista será o quarto nome a assumir a pasta desde o início da pandemia do novo coronavírus, comandada desde maio do ano passado pelo general Eduardo Pazuello.

www.seuguara.com.br/Marcelo Queiroga/novo ministro da Saúde/

Muito respeitado no setor, o paraibano Queiroga defende o distanciamento social como forma de conter o contágio da Covid-19 e não acredita em tratamento precoce, pontos em que diverge dos bolsonaristas e do próprio presidente Jair Bolsoanro. Porém, o médico cardiologista é considerado uma pessoa com jogo de cintura para construir uma politica de saúde que possa realmente funcionar contra a pandemia, que vem batendo recordes de óbitos nos últimos dias.


Marcelo Queiroga foi convidado para ocupar o cargo depois que sua colega, a cardiologista Ludhmila Hajjar recusou assumir o cargo alegando falta de "convergência técnica" com Bolsonaro em relação ao uso de cloroquina e adoção de medidas mais restritivas, como limitar a circulação de pessoas para reduzir a transmissão do vírus. Ludhmila Hajjar revelou em entrevista que foi ameaçada de morte por pessoas contrárias à sua nomeação


Da Redação Bem Paraná

Imagem: reprodução/Foto: Geraldo Magela/Agência Senado


[Saiba quem é Marcelo Queiroz, indicado de Bolsonaro para ser o novo ministro da Saúde: "Presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Marcelo Queiroga será o quarto ministro da Saúde desde o começo da pandemia de Covid, há pouco mais de um ano. (...) Queiroga é defensor da vacinação contra Covid. Em um vídeo na página da Sociedade Brasileira de Cardiologia, ele fala da importância da imunização para combater a pandemia.

(...)

O cardiologista é muito próximo da família Bolsonaro, principalmente do senador Flávio Bolsonaro. Depois da eleição de Jair Bolsonaro, Marcelo Queiroga participou da equipe de transição de governo, dando opiniões na área da saúde. 

Em abril de 2020, em entrevista à GloboNews, Marcelo Queiroga falou sobre a importância do isolamento social: "O isolamento social visa a reduzir aquele pico de pessoas que precisam de internação hospitalar. É uma medida recomendada pelas autoridades sanitárias de uma maneira homogênea". E também defendeu o Sistema Único de Saúde: "Fortalecimento do SUS - esse é o recado que essa pandemia traz para todos nós brasileiros".

***
RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger