Mostrando postagens com marcador CORRUPÇÃO. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador CORRUPÇÃO. Mostrar todas as postagens

domingo, 25 de outubro de 2020

'Bolsonaro usa governo para tentar melar processo de corrupção de seu filho Flávio no caso das rachadinhas'

www.seuguara.com.br/Flávio Bolsonaro/Jair Bolsonaro/rachadinhas/

Publicado originalmente por Antonio Mello, em seu blog - Sabendo que as provas do envolvimento do senador Flavio Bolsonaro em corrupção, no famoso caso das rachadinhas, são fortes e sem defesa, os advogados do filho do presidente resolveram apelar para o tapetão e procuram nos meandros do processo alguma brecha capaz de anular tudo e fazer com que o senador escape como um corrupto não julgado, como os que fogem da condenação por prescrição.

Leia Mais ►

quinta-feira, 15 de outubro de 2020

Corrupção: PF encontra dinheiro escondido nas nádegas do vice-líder do governo Bolsonaro no Senado

www.seuguara.com.br/Chico Rodrigues/governo Bolsonaro/corrupção/
O vice-líder do governo Bolsonaro no Senado, o senador Chico Rodrigues (DEM-RR), foi um dos alvos da operação Desvid 19 deflagrada pela polícia federal nesta quarta-feira (14) em Boa Vista (RR), que apura um esquema de desvio de recursos públicos, oriundos de emendas parlamentares, destinados ao combate da pandemia do coronavírus.
Leia Mais ►

sexta-feira, 10 de julho de 2020

Empresários ligados ao MBL são presos em investigação de lavagem de dinheiro

www.seuguara.com.br/empresários/investigação/lavagem de dinheiro/MBL/
Dois empresários ligados ao Movimento Brasil Livre (MBL) foram presos na manhã desta sexta-feira (10) sob a acusação de desviarem R$ 400 milhões de empresas: Carlos Augusto de Moraes Afonso, conhecido nas redes sociais como Liciano Ayan, e Alessander Mônaco Ferreira. A Operação Juno Moneta foi desencadeada pela Policia Civil, pelo Ministério Público Estadual e pela Receita Federal em São Paulo.
Leia Mais ►

terça-feira, 21 de janeiro de 2020

BNDES gasta R$ 48 milhões para abrir caixa-preta e nenhuma evidência de corrupção é encontrada

Do Estadão: O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) gastou R$ 48 milhões com uma auditoria interna que prometia abrir a caixa-preta da estatal. Após um ano e 10 meses de investigação, o banco divulgou, no fim de dezembro, um relatório que não apontou nenhuma evidência direta de corrupção em oito operações com a JBS, o grupo Bertin e a Eldorado Brasil Celulose, realizadas entre 2005 e 2018.
Leia Mais ►

segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

Ex-diretor é suspeito de fraude na Sanepar [vídeo]

Uma grande quantidade em dinheiro vivo, foi apreendido pela polícia federal durante uma operação que investiga fraudes em licitações e pagamento de propina na Sanepar. Os alvos são empresários e ex-funcionários da empresa. Assista ao vídeo.
Leia Mais ►

domingo, 15 de dezembro de 2019

Entrevista de Marcelo Odebrecht isenta Lula, expõe erros da Lava Jato e resguarda BNDES

Lula não privilegiava a Odebrecht em suas viagens internacionais. O pedido para que a empresa entrasse em Cuba era próprio dos interesses geopolíticos e comerciais de um País. A Odebrecht, aliás, mantinha com o petista a mesma relação que teve com FHC, intocado na Lava Jato. E a doação eleitoral que a empresa fez ao PT, em contrapartida a uma linha de crédito em Angola, saiu da margem de seu lucro, não de acertos espúrios.
Leia Mais ►

segunda-feira, 7 de outubro de 2019

Jânio de Freitas: "Sérgio Moro é o maior e mais grave caso de impunidade no Brasil"

Depois da pesquisadora Érica Gorga, doutora em direito comercial pela USP e doutora pela Universidade do Texas, expor em artigo publicado no jornal Folha de S.Paulo a situação esdrúxula da farsa da Lava Jato na aplicação das penalidades, foi a vez do jornalista Jânio de Freitas abordar a atuação do ex-juiz e atual Ministro da Justiça, Sérgio Moro, como um caso grave de impunidade no Brasil.
Leia Mais ►

sábado, 5 de outubro de 2019

Dilma, que foi oficialmente "corrupta" para Janot, deixou de ser. Agora, espera as provas do Palocci

Viomundo - Não tenho nenhuma dúvida de que a Dilma não é corrupta. Ex-procurador geral da República, Rodrigo Janot, em setembro de 2019. Dilma Rouseff integrou a presente organização criminosa desde 2003, quando assumiu a convite de Lula o Ministério de Minas e Energia. Desde ali contribuiu decisivamente para que os interesses privados negociados em troca de propina pudessem ser atendidos, especialmente no âmbito da Petrobras, da qual fi presidente do Conselho de Administração entre 2003 e 2010.
Leia Mais ►

sexta-feira, 4 de outubro de 2019

Política: 'Como Serra e Aécio escaparam da Lava Jato', por Luis Nassif

Por Luis Nassif, no GGN - Desde a prisão de Mariano Marcondes Ferraz, várias vezes, manifestamos estranheza com a falta de preocupação da Lava Jato em se aprofundar nas investigações sobre a Trafigura, uma das 50 maiores empresas do planeta, segundo a lista da Forbes. Trata-se de uma comercializadora de petróleo que montou o maior esquema de corrupção da era moderna - conseguindo o monopólio da extração e da importação de petróleo em Angola.
Leia Mais ►

terça-feira, 24 de setembro de 2019

Política: para 4 em 5 brasileiros, fake news influenciaram eleições, aponta pesquisa

Por Talita Marchao, Folha Press (SP) - Quatro em cada cinco brasileiros acreditam que notícias falsas foram disseminadas para influenciar eleições, segundo uma pesquisa realizada pela Transparência Internacional. Os números constam no Barômetro Global da Corrupção: América Latina e Caribe, divulgado nesta segunda-feira (23) no mundo todo. No Brasil, a pesquisa foi realizada nos primeiros meses do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL).
Leia Mais ►

terça-feira, 3 de setembro de 2019

Lava Jato: Deltan Dallagnon captava recursos de empresários para o Instituto Mude-Chega de Corrupção

Da Agência Pública - O coordenador da força-tarefa da Lava Jato, Deltan Dallagnol, captou investimentos de grandes empresários para financiar o Instituto Mude - Chega de corrupção, criado para promover, além da própria operação, as dez medidas de combate à corrupção e suas opiniões políticas. Mensagens trocadas entre o procurador e membros do Instituto Mude no Telegram, recebidas pelo Intercept Brasil e analisadas em conjunto com a Agência Pública, revelam que ele se reuniu com empresários, às vezes a portas fechadas, na sede da Procuradoria, para arrecadar verbas para a entidade.
Leia Mais ►

sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Dallagnol tentou conectar ministro Dias Toffoli a casos de corrupção

Do Conjur - Conversas entre procuradores da "lava jato" mostram que Deltan Dallagnol tentou conectar o ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal, aos casos de corrupção alvo da operação. A Constituição determina que procurador de primeira instância, como Dallagnol, não tem competência legal para investigar membros do STF.
Leia Mais ►

segunda-feira, 25 de março de 2019

Política: 'A Praça (de guerra) dos Três Poderes'

Por Laurez Cerqueira*, no Congresso em Foco - Entrincheirados na Praça de Guerra dos Três Poderes, O Supremo Tribunal Federal, o Congresso Nacional e o governo disparam uns contra os outros. Alvejados pela Lava Jato, com a prisão de Temer e Moreira Franco, o STF, o Congresso Nacional, particularmente a Câmara dos Deputados, preparam contra-ataques.
Leia Mais ►

quinta-feira, 21 de março de 2019

Ex-presidente da República Michel Temer é preso pela Operação Lava Jato do Rio

O ex-presidente Michel Temer foi preso nesta quinta-feira (21) pela força-tarefa da Lava Jato do Rio de Janeiro. A ordem de prisão preventiva foi determinação pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, que inclui o ex-ministro das Minas e Energia Moreira Franco, um dos principais auxiliares o ex-presidente, e de mais seis pessoas.
Leia Mais ►

sábado, 2 de março de 2019

Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro dá depoimento por escrito ao Ministério Público do Rio

Depois de ter se negado a prestar depoimento ao Ministério Público do Rio, por duas vezes, alegando motivos de saúde, Fabrício Queiroz, o ex-assessor de Flávio Bolsonaro e amigo pessoal do presidente da República Jair Bolsonaro resolveu dar explicações à Justiça sobre suspeitas de atos de corrupção, praticados por ele e outros ex-assessores. No depoimento, Queiroz tenta salvar a pele dos seus chefes.
Leia Mais ►

sábado, 15 de dezembro de 2018

Política: Funcionários de Flávio Bolsonaro na Alerj repassaram até 99% de seus salários

Congresso em Foco - Dados da movimentação financeira de Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-assessor do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL) na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), indica que ao menos uma assessora depositou quase todo o salário recebido na Alerj, em determinado período sob investigação no Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), no esquema que engrossou o caixa do filho de Jair Bolsonaro (PSL).
Leia Mais ►

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Polícia Federal: Delação da JBS diz que Aécio Neves comprou apoio de 12 partidos em 2014

Congresso em Foco -  Deflagrada pela Polícia Federal (PF) na manhã desta terça-feira (11), a operação Ross, que faz buscas em endereços de políticos em 8 estados e no Distrito Federal, tem como principal alvo o senador Aécio Neves (PSDB). Não há pedidos de prisão. As investigações partiram de um dos termos da delação do grupo J&F (controlador do frigorífico JBS), que teria feito pagamentos de R$ 110 milhões por interesse do tucano.
Leia Mais ►

quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Política: Ministério Público denuncia Beto Richa por corrupção passiva e fraude à licitação

O Ministério Público Estadual apresentou hoje denúncia contra treze pessoas acusadas de envolvimento no esquema investigado na Operação Rádio Patrulha, que apura suspeitas de fraude em obras de estradas rurais no Paraná. A lista dos indiciados inclui o ex-governador e candidato ao Senado, Beto Richa (PSDB), seu irmão, o ex-secretário da Infraestrutura, José Pepe Richa (PSDB), e o ex-chefe de gabinete de Richa, Deonilson Roldo, acusados de corrupção passiva e fraude à licitação.
Leia Mais ►

quarta-feira, 6 de junho de 2018

Porque Moro soltou o homem-chave da Operação da Petrobras em contratos internacionais?

Por Carlos Henrique Machado, em seu blog - Mario Miranda, solto por Moro nesta última sexta, é homem chave do MDB. Miranda é operador de propina do partido de Temer, Jucá, Eduardo Cunha e outros bichos soltos da corrupção nacional. Mas o que envolve o universo de propinas de Sergio Miranda segue para uma linha perigosíssima.
Leia Mais ►

sábado, 10 de março de 2018

'Todos falam de Delfim, mas "o cara" dessa operação da Lava Jato é Malucelli, amigo de Moro'

Por Joaquim de Carvalho, no DCM - A 49ª Fase da Operação Lava Jato jogou os holofotes da Policia Federal para Delfim Netto, poderoso no passado, hoje quase um zumbi. Não significa que não deva responder por crimes que tenha praticado. Mas esta investigação não será justa se não apresentar em todos os seus contornos o papel do empresário Joel Malucelli, dono de uma empreiteira que participou do esquema de corrupção que, segundo a Lava Jato, superfaturou a construção da usina de Belo Monte.
Leia Mais ►

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger