sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Brasileirão 2016: resumo e melhores momentos dos jogos da 35ª rodada

Na parte de cima da tabela, a partida mais importante da 35ª rodada do Campeonato brasileiro 2016 foi sem dúvida o confronto entre Atlético mineiro e Palmeiras, que terminou empatado em 1 a 1. Resultado ruim para o Galo, que não tem mais chance de brigar pelo título. E volta as atenções para a Copa do Brasil, com certo favoritismo na final, contra o Grêmio. Por outro lado, o empate foi ótimo para o Verdão Paulista, tendo em vista que o Atlético-MG é quase imbatível no Independência.


E provou isso nesta quinta-feira (17), sendo melhor que o líder do Brasileirão 2016 na maior parte do tempo de jogo. O Galo ficou na quarta posição, com 61 pontos. O Palmeiras somou 71, contra 67 do Santos, que assumiu a vice-liderança vencendo o Vitória-BA, na Vila Belmiro, por 3 a 2. O Peixe tem um ponto a mais que o Flamengo, em terceiro lugar, com a vitória sobre o já rebaixado América-MG, no Mineirão, por 1 a 0. 

Na quinta colocação aparece o Botafogo, com 55 pontos. O Fogão foi derrotado em casa pela Chapecoense, por 2 a 0. A equipe catarinense, que decidirá vaga na final da Copa Sul-americana contra o San Lorenzo da Argentina, na próxima quarta-feira (23), chegou ao 10º lugar somando 49 pontos. Mesma pontuação do Fluminense (9º), que empatou com o Atlético paranaense, em 1 a 1, na partida de abertura da 35ª rodada, na terça-feira (15), no Maracanã. Com este resultado, o Furacão permaneceu no G6, com 52 pontos conquistados, tomando a vaga que era para ser do Corinthians. 

O Timão ocupa a sétima colocação, com 51 pontos. Na certeza de somar mais três pontos, apenas empatou em 1 a 1 contra o Figueirense, no Orlando Scarpelli. Os corintianos reclamaram muito do gol marcado de cabeça por Rafael Moura, em posição duvidosa, já nos minutos de acréscimo. Com chances remotas de se livrar da Zona do rebaixamento, o Figueirense é o 18º colocado, com 34 pontos. Esta atrás do Internacional, com 39, primeiro na lista dos quatro últimos. 

O Colorado, que havia perdido para o líder Palmeiras na rodada anterior, voltou para a Zona perigosa com o empate inesperado em 1 a 1 diante da Ponte Preta, em pleno Beira Rio. O Inter abriu o placar aos 12 minutos do primeiro tempo, com Valdívia. Antônio Carlos empatou para a Macaca, aos 11' da segunda etapa. Resultado que revoltou a torcida colorada e causou a demissão do técnico Celso Roth. Além do Figueirense, o Internacional tem a companhia do Santa Cruz e América-MG, ambos já rebaixados para a Série B do campeonato brasileiro. 

O "Santinha" perdeu na rodada para o Coritiba, por 1 a 0, no Couto Pereira. Com a sofrida vitória o Coxa deu um passo importante para permanecer na Série A. Alcançou a 14ª colocação somando 45 pontos, na frente do Sport com 43, e joga a próxima contra o Flamengo, no Maracanã. O Leão do Recife perdeu para o Cruzeiro, por 1 a 0, na Ilha do Retiro. A Raposa somou 47 pontos, chegando ao 11º lugar e não corre mais risco de rebaixamento. Passou a Ponte Preta e o São Paulo, ambos com 46 pontos. 

O tricolor paulista ficou no empate em 1 a 1 contra o Grêmio, no Morumbi. Diferente do adversário, o tricolor gaúcho ainda almeja uma vaga no grupo dos três classificados para a pré-Libertadores. É o oitavo colocado na tabela de classificação, com 50 pontos. Dois a menos que o Atlético paranaense, o último do G6, e recebe o Sport na próxima rodada. O Grêmio joga em casa contra o América-MG.





















(com informações da Gazeta Esportiva)
Imagem: reprodução/créditos da foto: Bruno Cantini/Atlético

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger