sexta-feira, 7 de setembro de 2018

Internacional assume a liderança do Brasileirão 2018. Confira o resumo e os gols dos jogos da 23ª rodada

A 23ª rodada do Campeonato Brasileiro 2018, que começou na quarta-feira (05) com sete jogos, definiu o Internacional como novo líder da competição. O Colorado gaúcho venceu o Flamengo, por 2 a 1, no Beira Rio, e pelo saldo de gols ultrapassou o São Paulo que perdeu para o Atlético mineiro, por 1 a 0, no Independência. Confira os melhores momentos de cada um dos dez jogos da rodada.
Outros três confrontos realizados nesta quinta-feira, terminaram com dois empates em zero a zero e a vitória do América-MG sobre o Vasco, por 2 a 1. Confronto que fechou a rodada, realizado no Estádio Independência. Com a vitória, o Coelho pulou para a 9ª posição, com com 29 pontos. O Gigante da Colina, com uma partida a menos, ficou beirando a Zona perigosa, com 24 pontos.

No Maracanã, Fluminense e Vitória-BA empataram sem gols. Jogo tecnicamente fraco, com a equipe carioca mas presente no ataque mas sem grandes chances, e o time baiano praticamente se limitando a defender. O Tricolor das Laranjeiras ficou na 12ª posição, com 28 pontos. O Vitória somou 26, na 14ª colocação, e na próxima enfrentará o Vasco, no Barradão.

No Pacaembu, Santos e Grêmio também não saíram de um insosso zero a zero. No primeiro tempo, a única boa chance foi do Tricolor gaúcho, aos 45 minutos, numa cobrança de escanteio quando Vanderlei salvou o Peixe com uma grande defesa no cabeceio de Bressan. Na etapa final, aos 32', os jogadores do Alvinegro reclamaram muito, e com razão, de um pênalti não marcado pelo árbitro, quando Jeromel fez falta flagrante em Rodrygo. Aos 47', foi a vez de Marcelo Grohe salvar os gaúchos, espalmando pra escanteio o bom chute de Derlis Gonzáles de fora da área. Com o resultado, o Santos permaneceu na 10ª posição, com 28 pontos. O Grêmio, em 5º lugar, com a mesma pontuação (41) do Flamengo (4º).   

Na Fonte Nova, quarta-feira (05), o Bahia venceu o Sport por 2 a 0, com gols marcados no segundo tempo pelo centro-avante Gilberto (ex-São Paulo) e outro do zagueiro Tiago. Com a vitória o Tricolor de Aço, que na próxima rodada enfrentará o São Paulo, sábado, às 19:00 horas, no Morumbi, somou 28 pontos e ficou na 11ª colocação. O Leão pernambucano agora é o primeiro time na Zona do rebaixamento, com 23 pontos. Próximo adversário do Sport será o Cruzeiro, na Ilha do Retiro.

No Estádio Nilton Santos, em Engenho de Dentro (Rio), o Botafogo fez uma grande partida diante do Cruzeiro, mas ficou no empate em 1 a 1. Destaque do confronto para o goleiro Fábio, com grandes defesas impediu a derrota da Raposa. O time carioca abriu o placar aos 10 minutos do primeiro tempo, com gol de Luiz Fernando. A equipe mineira empatou ainda no primeiro tempo, aos 36', quando Edilson fez um golaço em cobrança de falta. O resultado fez o Alvinegro de de General chegar à 14ª posição, com 26 pontos, e na próxima terá o clássico carioca diante do Fluminense. O time mineiro segue na 7ª colocação, com 32 pontos.

Na Arena Castelão, surpreendentemente o Ceará deu um show de bola contra o Corinthians vencendo por 2 a 1. O Vozão abriu o placar com um golaço do goleiro Everson cobrando falta com perfeição, aos aos 19 minutos do primeiro tempo e abriu 2 a 0 com gol de Calyson, aso 12' da etapa complementar. O Timão diminuiu o placar aos ao 27', com Roger. Resultado ruim para o Timão, que ficou distante da do G6 na 8ª posição, com 30 pontos, e enfrentará o Palmeiras na próxima, no Allianz Parque. Com a vitória, o Ceará ficou a um passo de deixar a Zona do rebaixamento. Somou 23 pontos e pega o América mineiro na próxima, domingo, no Independência.

No Allianz Parque, o Palmeiras recebeu o Atlético paranaense e venceu por 2 a 0. Com a vitória, o Verdão paulista ficou a três pontos do vice-líder São Paulo com 43 pontos, além de quebrar a invencibilidade de nove jogos do Furacão. William abriu o placar recebendo um ótimo lançamento de Deyverson, aos ao 25 minutos do segundo tempo. Nos acréscimos, aos 49', Moysés marcou o segundo gol palmeirense em cobrança de pênalti. Com o resultado, o Rubro-negro paranaense ficou na 13ª posição, com 27 pontos, e enfrentará o Atlético mineiro na próxima rodada, segunda-feira (10), às 20:00 horas, no Independência.

No Durival de Britto, em Curitiba, aconteceu o confronto direto na Zona de rebaixamento entre Paraná e Chapecoense. O Tricolor paranaense vacilou mais uma vez e cedeu o empate ao time catarinense no final da partida. Abriu o placar após uma cobrança de escanteio, quando Vilela desviou de cabeça e Rafael Grampola completou para o fundo das redes. A equipe paranista chegou a marcar o segundo gol, mas a arbitragem anulou o lance por impedimento do próprio Grampola. O time catarinense empatou aos ao 41', com um golaço de falta cobrada por Diego Torres.

Com mais uma derrota, o Tricolor segue na agonia segurando a lanterna do campeonato, com apenas 16 pontos conquistados. Na rodada anterior, a equipe paranista perdeu para o Vitória-BA, por 1 a 0. Na próxima, receberá o Santos, domingo, às 19:00 horas, na Vila Capanema. A Chapecoense, agora em penúltimo lugar no Brasileirão 2018, com 22 pontos, encara o Flamengo, sábado, no Maracanã.

No Independência, o São Paulo perdeu a liderança do campeonato com a derrota para o Atlético, por 1 a 0. Gol da vitória do Galo foi contra. Com oito minutos jogados, Matheus Galdezani cruzou na área pelo alto e Ricardo Oliveira desviou de cabeça. Sidão quase defendeu, mas a bola bateu na trave e rebateu nos pés do zagueiro Régis, que sem querer empurrou para o fundo das próprias redes.

Ainda no primeiro tempo, o time mineiro desperdiçou grande chance de ampliar. No cruzamento a meia altura de Luan pela direita, Sidão rebateu nos pés de Ricardo Oliveira que tocou para Tomás Andrade dentro da área pegou mal na bola chutando pra fora. Antes do intervalo, o goleiro Vitor fez grande defesa espalmando pra fora o bom chute de Nenê da entrada da grande área, salvando o que seria o gol de empate do Tricolor paulista.

Na etapa complementar, o São Paulo partiu pra cima do Galo, que se limitou a defender o placar. Num lance dentro da área, os jogadores da equipe paulista reclamaram pênalti quando a bola tocou na barriga, depois no braço de Leonardo Silva, mas o árbitro em cima do lance nada marcou. Nos minutos finais, os mineiros levaram algum perigo nos contra-ataques, mas o Tricolor andou bem perto de empatar a partida, mas encontrou no goleiro Vitor uma grande barreira, que com importantes defesas garantiu o resultado positivo para o Atlético-MG.

No Beira-Rio, Internacional e Flamengo fizeram um grande jogo com os dois times jogando pra frente em busca do gol. O Colorado foi mais eficiente no ataque e contou com a grande atuação do goleiro Marcelo Lomba para vencer o Rubro-negro. William Pottker abriu o placar para o Inter logo aos 5 minutos de jogo. Vitinho empatou aos 11 minutos do segundo tempo. Dois minutos depois, Nico López cobrou escanteio e Rodrigo Dourado cabeceou com força sem chance de defesa para Diego Alves. Aos 44', Marcelo Lomba garantiu a vitória colorada defendendo como os pés o chute de Matheus Sávio, da marca do pênalti.

Com o resultado, o Internacional somou 46 pontos, mesma pontuação do São Paulo, mas assume a liderança do Brasileirão 2018 pelo saldo de gols. Na próxima rodada, Colorado realizará mais um GRENAL com o rival Grêmio, domingo, ás 16:00 horas, no Beira-Rio. O Flamengo cai para o quarto lugar na tabela de classificação, com 41 pontos, e no sábado pega a Chapecoense, às 21:00 horas, no Maracanã.





















(com informações da Gazeta Esportiva)
Imagem: reprodução/Foto: Ricardo Duarte/Internacional

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger