sábado, 4 de outubro de 2014

O que você precisa saber ao votar para deputado

BBC/BRASIL - O voto para deputados merece atenção: são eles que vão debater e aprovar leis e emendas – no âmbito federal ou estadual -, fiscalizar o Poder Executivo (presidente e governadores) e aprovar os orçamentos dos estados e da União. Mas esse voto também é intrincado: a eleição de deputados envolve cálculos de quocientes eleitorais e partidários (explicados abaixo e no gráfico).



Entenda, no nosso guia, o caminho do voto para deputado, o que faz um candidato bem votado ser ou não eleito – e até mesmo levar consigo outros menos votados – e como averiguar o que o seu candidato já fez.

Já no Senado a eleição é pelo voto majoritário (quem tem mais votos vence), assim como no Poder Executivo. E, diferentemente dos deputados, todos os estados do país e o Distrito Federal elegem o mesmo número (três) de senadores, cada um com mandato de oito anos.
 
1) O caminho do voto

Para ser eleito, qualquer candidato a deputado federal ou estadual depende não apenas dos votos que recebe, mas também dos recebidos por seu partido ou coligação, explica o Tribunal Superior Eleitoral.

Funciona assim: todos os votos válidos das eleições (número total de votos em candidatos ou legendas, descontados os brancos e nulos) são divididos pelo total de vagas em cada Parlamento (Câmara dos Deputados no nível federal; Assembleias Legislativas no nível estadual).

Essa divisão resulta no quociente eleitoral. Para conseguir eleger deputados, o partido ou coligação precisará alcançar esse quociente. Siga para a matéria completa::


RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger