segunda-feira, 28 de maio de 2018

São Paulo entra no G4: veja o resumo dos confrontos deste domingo, válidos pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro

O São Paulo assumiu a quarta colocação no Brasileirão 2018 ao vencer o América-MG, por 3 a 1, no estádio Independência. Confira os melhores momentos desta partida e de outras seis, que fecharam a 7ª rodada do torneio Nacional, neste domingo (27). Único invicto do campeonato, com três vitórias e quatro empates, o Tricolor paulista somou 13 pontos, apenas um a menos que o líder Flamengo e com a mesma pontuação do Fluminense, na vice-liderança, e do Atlético mineiro em terceiro lugar.
Flamengo e Atlético-MG jogaram no sábado (26), com vitória do Rubro-negro carioca, por 1 a 0, que lhe rendeu a liderança. Também no sábado, na partida de abertura da 7ª rodada, o Fluminense venceu a Chapecoense, por 3 a 1, no Maracanã. No Independência, o São Paulo abriu o placar logo aos sete minutos de jogo. Em um contra-ataque, Nenê lançou Everton pela esquerda, que cruzou para Diego Souza cutucar de primeira. Quatro minutos depois o América-MG empatou a partida.

O lateral Norberto fez ótima jogada individual pela direita, com drible entre as pernas de Reinaldo, cruzou para Rafael Moura dominar na entrada da pequena área e finalizar no ângulo, sem chance para o goleiro Sidão. Na sequência, o Coelho criou três boas oportunidades de passar a frente. Aos 20 minutos, Leandro Donizete arriscou de longe obrigando Sidão a praticar boa defesa. Aos 33', Rafael Moura levou muito perigo com um chute forte da intermediária, passando rente a trave. 

Pouco depois, em um contra-ataque, o centro-avante do time mineiro concluiu batendo cruzado. O goleiro tricolor defendeu com a ponta dos dedos mandando para escanteio. Já nos acréscimos do primeiro tempo, o São Paulo marcou seu segundo gol. Após uma cobrança de falta, Matheus Ferraz agarrou Arboleda dentro da área. O árbitro marcou pênalti, que Nenê cobrou e colocou o Tricolor na frente. 

No segundo tempo, os comandados de Diego Aguirre iniciaram com bastante pressão e criaram boas chances de marcar o terceiro gol, que veio aso 15 minutos. Em uma falta sofrida por Militão pelo lado direito, perto da grande área, Nenê cobrou com mestria e marcou um golaço. A bola foi no ângulo esquerdo do goleiro Jori, que voou para tentar a defesa se conseguir. Em vantagem, o Tricolor optou por ficar mais postado na defesa, mas nos contra-ataques ainda teve oportunidades de ampliar o placar nesta primeira vitória como visitante no Brasileirão 2018. 

Na próxima rodada, o São Paulo enfrentará o Botafogo, quarta-feira, no Morumbi. O América-MG, que ficou na 11ª colocação, com 10 pontos ganhos terá pela frente o Corinthians, em Itaquera.

No domingo pela manhã, o clássico paranaense entre Paraná Clube e Atlético-PR no Durival de Britto, em Curitiba, apesar de muito movimentado no primeiro tempo, o confronto terminou empatado em zero a zero. O Paraná poderia ter saído com a vitória, mas a arbitragem não marcou um pênalti legítimo a favor do Tricolor. Aos 38' da etapa final, Itaperuna invadiu a área em direção ao gol e foi flagrantemente empurrado por por Zé Ivaldo, no momento da conclusão.

Na primeira metade da etapa inicial, o Furacão teve o domínio do jogo chegando com perigo logo aos 4 minutos, em um chute forte de Camacho que passou rente a trave esquerda do goleiro  do goleiro Thiago Rodrigues. No entanto, o Tricolor cresceu na partida a partir dos 22 minutos, quando chegou pela primeira vez no cabeceio de Mansur defendido por Santos. Aos 29', Torito perdeu uma chance de ouro para o Paraná. 

Após um cruzamento de Carlos na área, a defesa atleticana bateu cabeça e a bola sobrou limpa para o atacante, que da marca do pênalti mandou por cima do travessão. O Tricolor seguiu pressionando. Aos 31', escanteio cobrado na segunda trave e o zagueiro Kleber Reis subiu e interceptou de barriga com a bola passando rente a trave. Aos 33', outro escanteio e bola na trave do goleiro Santos, no desvio de Leandro Vilela.

Na etapa complementar as duas equipes caíram de produção. A primeira boa chance foi do lado do Paraná, aos 18 minutos. Mansur cruzou na área e a bola sobrou para Caio Henrique, sozinho, que pegou mal na bola mandando pra fora. O Rubro-negro, sem construir nada no ataque que representasse real perigo ao adversário desde então, respondeu aos 20', quando Nikão recebeu dentro da área e tentou tocar na saída do goleiro Thiago Rodrigues, que fechou o ângulo e impediu que o Atlético abrisse o placar. 

Aos 38', veio o lance do referido pênalti indiscutível, não marcado a favor do Tricolor, que criou outra boa chance dois minutos depois com Carlos chutando de dentro da área para a defesa segura de Santos. A última chance de gol foi do time da Vila Capanema. Aos 44', Caio Henrique recebeu na entrada da área, girou e bateu com precisão, mas Lucho González apareceu para desviar de cabeça, evitando o gol que daria a vitória ao Tricolor.

Em situação complicada, as duas equipes seguem na luta para se livrarem do Z4. O Atlético, primeiro na lista dos quatro últimos pelo critério de desempate, ficou acima da Chapecoense com os mesmos 6 pontos conquistados até aqui. A mesma  pontuação do Santos, primeiro time fora da Zona do rebaixamento e que será o próximo adversário do Furacão, na 8ª rodada. O confronto será na quinta-feira, na Arena da Baixada. O Paraná, na lanterna do Brasileirão 2018, com 3 pontos, enfrentará o Vasco, quarta-feira, em São Januário.

No Pacaembu, o goleiro Vanderlei outra vez fez milagre, mas não conseguiu evitar a derrota do Santos para o Cruzeiro, por 1 a 0. O gol da vitória da Raposa foi marcado por Bruno Silva, aos 30 minutos do segundo tempo. Com o resultado, o Peixe saiu vaiado de campo e ficou beirando a ZR. O time mineiro somou 10 pontos e chegou à 10ª posição, Na 8ª rodada jogará contra o palmeiras, quarta-feira, no Mineirão.

Na Arena Fonte Nova, o Bahia venceu o Vasco por 3 a 0, com todos os gols marcados no segundo tempo. Élber, abriu o placar aos 21 minutos, Zé Rafael, aos 42', e Régis fechou o placar nos acréscimos. Com a vitória. a equipe baiana se distanciou da ZR. Somou 8 pontos e pulou para a 15ª colocação. Na próxima, o Bahia enfrenta o líder Flamengo, no Maracanã. Com três rodadas sem vencer no Brasileirão 2018, o Vasco ficou na 13ª posição, com 8 pontos.

No estádio Nilton Santos, o Botafogo recebeu o Vitória e ficou no empate em 1 a 1. O Fogão marcou primeiro, com Kieza, aos 43 minutos do primeiro tempo. O Tricolor baiano empatou aos 38' da etapa final. Com o resultado, o Botafogo aparece em 12º lugar somando 9 pontos. O Vitória tem 8 e ocupa a 14ª colocação. Na próxima recebe o Internacional, no Barradão.

No Beira Rio, o Internacional venceu o Corinthians de virada, por 2 a 1. O gol da vitória do Colorado nasceu de uma incrível falha de Mantuan, no último lance da partida. O jovem zagueiro corintiano não viu a saída do goleiro Walter e ainda escorregou na hora de cortar lançamento. A bola ficou limpa para Rossi tocar para o gol vazio. No apito final, Mantuan foi à lágrimas e teve que ser consolado pelos companheiros.

Aos 5 minutos do primeiro tempo, Mateus Vital marcou para o Timão. Leandro Damião empatou para o Colorado, aos 19' da segunda etapa. E aos 47', Rossi fechou o placar para computar três pontos para os gaúchos . Com o resultado, o Inter somou 11 pontos e colou nos primeiros colocados, na 8ª posição. Com a mesma pontuação, mas com um gol a mais, o Corinthians ficou em em sexto lugar.

No Castelão, o Ceará recebeu o Grêmio e perdeu por 1 a 0. O gol da vitória do Tricolor gaúcho foi marcado aos 35 minutos do segundo tempo. Após o rebote pela saga cearense na cobrança de um escanteio, a bola sobrou para Everton que armou o contra-ataque, deu uma meia-lua no marcador e em alta velocidade invadiu a grande área cruzando na medida para Thony Anderson cabecear e mandar para o fundo da rede.

Com a vitória, o Grêmio somou 12 pontos e ficou a apenas um do G4. Por outro lado, o Ceará não conseguiu sair da penúltima colocação na tabela, empatado com o lanterna Paraná, ambos com 3 pontos somente. Na próxima o Tricolor gaúcho enfrenta o Fluminense, em casa. O Vozão terá pela frente o a Chapecoense, na Arena Condá.














(com informações da Gazeta Esportiva)
Imagem: reprodução/Foto: Pedro Vale/AGIF

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger