quinta-feira, 26 de abril de 2012

Futebol - Homenagem ao Dia do Goleiro

É ele o encarregado de impedir o que todo mundo quer ver em uma partida de futebol. Diz a lenda, que onde ele pisa nem grama nasce, mas há quem diga que é por causa do suor derramado, diferente dos outros. O goleiro é antes de tudo um sofredor, muitas vezes é dele a culpa da derrota. O único, cujo erro é fatal. Se falhar, facilitou a vitória do adversário.

A maioria acredita no velho ditado de que um grande time começa por um grande goleiro. Mas, experimente levar um frango pra ver. O time continuará grande, mas o goleiro, coitado! No mínimo irão chamá-lo de "frangueiro", "mão de pau", "braço curto", e até de "palanque" (fincado no chão sem poder pular para socar a bola).

Antigamente, quem não era bom com a bola nos pés, logo ia sendo empurrado para trás até chegar ao gol. Os tempos mudaram. A partir da década de 70, quando o Brasil foi campeão mundial, a posição de goleiro passou a ser tão importante quanto as demais. Tanto quanto a posição de centro-avante, normalmente o responsável em fazer os gols. Foi nesta época que o tenente Raul Carlesso, e o capitão Reginaldo Pontes Bielinski, professores da Escola de Educação Física do Exército do Rio de Janeiro, tiveram a ideia de se criar o "dia do goleiro". 
 
Carlesso, foi um dos precursores do trabalho de preparação de goleiros no Brasil, conforme relatos do jornalista Paulo Guilherme, autor do livro Goleiros - Heróis e anti-heróis da camisa 1. Ele desenvolveu um método de fundamentos que ajudou na formação de diversos goleiros brasileiros. Daí em diante surgiram grandes goleiros que fizeram história em grandes Clubes.

Reprodução/Lancenet/Benja

Em 1974, Carlesso, foi o primeiro preparador de goleiros a integrar a comissão técnica da Seleção Brasileira, no Mundial da Alemanha. "Diante do sucesso do método e da evolução dos goleiros no Brasil, decidimos criar o Dia do Goleiro para homenagear todos os atletas dessa posição", conta Bielisnki, parceiro de Carlesso em vários estudos. 
Em uma grande festa, no dia 14 de Abril de 1975, reuniram-se goleiros, ex-goleiros e pessoas ligadas ao futebol, para celebrar o primeiro Dia do Goleiro. Em 1976, definiu-se como oficial a data de 26 de Abril, dia do aniversário do goleiro Manga, que naquele ano foi campeão brasileiro pelo Internacional de Porto Alegre.

Pelo menos duas grandes defesas de dois excepcionais goleiros, estão gravadas na memória dos aficionados por futebol: 1) a intervenção precisa do goleiro da Seleção da Inglaterra, Gordon Banks, em uma bola cabeceada por Pelé, no Mundial realizado no México em 1970. 2) A sequência de cinco defesas realizadas de forma espetacular por Rodolfo Rodrigues, o Paredão. O goleiro uruguaio, jogava pelo Santos F.C, na partida contra o América de Rio Preto. Rodolfo Rodrigues, foi o primeiro goleiro na história do futebol a receber uma Defesa de Placa, em 18 de Julho de 2010, entregue pelo presidente santista, Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro. Confira abaixo. 








Informações: goleiros.com.br/
Imagem: Fifa.


RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger