terça-feira, 7 de outubro de 2014

Bob Fernandes: PT e PSB substimaram Aécio

Bob Fernandes*

Sun Tzu, general, estrategista e filósofo chinês dos anos 500 antes de Cristo, ensinava: "Jamais subestime o inimigo", o adversário. Por décadas Lula foi, e ainda é subestimado. Com Dilma, no domingo o PT chegou à vitória no 7º turno em 4 eleições presidenciais, e está no poder há 12 anos.
Dilma, que teve vitórias pessoais com os triunfos de Fernando Pimentel, em Minas, e o Rui Costa de Jaques Wagner na Bahia, enfrentará Aécio Neves.

Há 30 anos Aécio era secretário particular do avô, Tancredo Neves, eleito presidente e morto antes da posse.

Aécio, então o "Aecinho" de 24 anos, era subestimado. Também, e não pouco, por jornalistas.

Ainda subestimado, inclusive por vários dos seus pares, Aécio tornou-se líder do PSDB na Câmara, e em seguida candidato à presidência da Câmara para o ano 2001.

Serra, pré-candidato à presidência da República, queria alguém seu na presidência da Câmara. Quando tentaram demover Aécio era tarde.

Mesmo sem o apoio do então presidente Fernando Henrique Cardoso, e de Serra, Aécio se elegeu presidente da Câmara.

Ainda visto por vários como "netinho do Tancredo", "playboy", Aécio elegeu-se governador de Minas por duas vezes, com votação estrondosa na reeleição, e fez o sucessor, Anastasia, agora senador como ele.

Em 2010, Serra subestimou Aécio e seu desejo de prévias para escolha do candidato tucano. Quando Serra acordou, havia perdido a eleição.

Ungidos pela providência divina, Marina e o PSB subestimaram Aécio. Quando acordaram, estavam derrotados.

Em Minas foi Aécio quem subestimou o adversário, ou superestimou sua força e esqueceu a lição de Sun Tzu:
-Onde eu estava com a cabeça, subestimar o oponente e abaixar a guarda?
Quando Aécio acordou, Fernando Pimentel já estava a caminho do governo de Minas.
Muitos no PT, em especial na sua militância, subestimaram e subestimam Aécio.
Quando acordaram, na noite do domingo, deram de cara com um duríssimo adversário, e em ascensão…

Alertava Sun Tzu: "Não há pior desgraça do que desconhecer a força do seu adversário".

Viveremos agora um embate feroz entre duas visões e modelos de Brasil.



*Bob Fernandes, foi redator-chefe de CartaCapital. Trabalhou em IstoÉ (BSB e EUA) e Veja. Repórter da Folha de S.Paulo e JB, fez "São Paulo, Brasil" no GNT/TV Cultura. Comentarista da TVGazeta e Rádio Metrópole (BA)


RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger