Mostrando postagens com marcador cristãos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador cristãos. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 31 de março de 2010

Sob um olhar Muçulmano.

Provavelmente você que chegou até aqui faça parte dos 90% dos católicos não praticantes que se dizem cristãos. Ainda em numero maior no mundo, os cristãos estão sendo acompanhados de perto pelo Islamismo. Por enquanto Jesus vence Maomé.

São dois bilhões de cristãos no mundo, contra 1,5 milhão de adeptos do Islamismo. A julgar pelo crescimento de uma e de outra religião, em 2050 o Islamismo superará o Cristianismo que se subdivide apenas. O Catolicismo cristão perde fiéis para os Evangélicos que dia a dia vê crescer o número de suas ovelhas, atraídos pela teoria da prosperidade.
Enquanto o cristianismo afirma sua fé através da Bíblia, escrita sob inspiração divina, o Islamismo acredita piamente que os escritos do Alcorão, seu livro sagrado, é literalmente a palavra de Deus.

Cristianismo x Islamismo.

Enquanto o Islã tem acesso a um grande número de nações, podendo assim difundir seus ensinamentos, o Cristianismo jamais terá oportunidade de ver divulgada sua fé em países islâmicos. Assim como é possível um cristão se converter ao Islamismo, é impossível para um muçulmano se tornar um cristão. Posto que para o Islã é considerado um sacrilégio admitir outro Deus que não seja Alá.
Segundo o jornalista blogueiro Pedro Dória, nesta luta temos de um lado os "poderosos evangélicos norte-americanos, que investem pesadamente na formação de missionários", para espalhar sua crença pelo mundo, como igualmente procede a Igreja Universal aqui no Brasil. E de outro lado, "a família real saudita e incontáveis milionários milionários do petróleo árabes, que gastam um bom dinheiro para espalhar o seu livro sagrado." Como pode se verificar, aproveitando a dica de Dória, neste site: www.freekoran.com.
Mas, e o onze de setembro? e o al-qaeda? Não esqueçamos que o terror provindo do Islã tem origem em um grupo da ala radical, ou seja os Xiitas, que diferentemente dos Sunitas que são maioria no Islamismo, não são coniventes com as ações terroritas do al-qaeda. São forças politico-religiosas antagônicas dentro da mesma fé propagada pelo Islã. Assim como são os protestantes em relação aos católicos, quando nos referimos ao cristianismo.

Sunitas, Xiitas e Maomé.

Além de outras sub-divisões, no Islamismo prevalece a corrente de dois grandes grupos, os Sunitas e os Xiitas, que reclamam a legítima sucessão do profeta Maomé.
Os sunitas, que são a maioria dos adeptos (85%), adotam o Suna, livro que conta os feitos e a trajetória do profeta, como referencial às questões não muito bem esclarecidas pelo Alcorão. São descendentes de All-Abbas, tio de Maomé,de onde sugiram os califas que em 749 assumiram o controle do Islã e sustentavam que seus verdadeiros representantes surgiriam do consenso da comunidade.
Já os Xiitas, eram pardidários de Ali, casado com a filha do profeta, e não aceitavam a direção dos sunitas. Argumentavam que só os descendentes de Maomé seriam lideres infalíveis na interpretação do Alcorão e do Suna.
A principal divergência entre Sunitas e Xiitas está na natureza da Liderança. Para os Xiitas o líder da comunidade é o herdeiro e continuador da missão do Profeta. Para os Sunitas, o lider é apenas um chefe civil e político, sem autoridade espiritual.
Os dois grupos seguem a mesma orientação religiosa. No entanto a divergência política é muito grande. Em 1979, essa rivalidade torna-se masi forte com a Revolução Iraniana, comandada pelo aiatolá Khomeini (xiita), que depõe o xá Reza Pahlevi e instaura a República islâmica do Irã.
Maomé (570 d.C.-632 d.C.), nascido em Meca em uma tribo arabe, hoje a terceira maior cidade da Arábia Saudita. Seria Ele o último profeta de Alá, (Deus para os muçulmanos) e fundador do Islamismo. Segundo a tradição, aos 40 anos recebe a missão de pregar as Revelações de Deus, trazidas pelo arcanjo Gabriel. Suas pregações entram em conflito com as crenças semitas e Maomé é obrigado a fugir para Iatribe, atual Medina, onde existia grande tensão entre as tribos árabese também entre os judeus. Maomé estabelece a paz, e inicia uma luta contra Meca pelo controle das rotas comerciais, e a conquista no ano de 630. Morre dois anos depois, deixando a comunidde islâmica organizada, política e espiritualmente, de acordo com os preceitos do Alcorão.
O Alcorão, tal qual é a Bíblia para os cristãos, é o livro sagrado do Islamismo.
"É fixado entre 644 e 656 sob o califado de Uthman ibn Affan: são 6.226 versos em 114 suras (capítulos). Traz o mistério do Deus-Uno e a história de suas revelações de Adão a Maomé, passando por Abraão, Moisés e Jesus, e também as prescrições culturais, sociais, jurídicas, estéticas e morais que dirigem a vida individual e social dos muçulmanos."

Os cinco pilares da fé islâmica:

"1- A declaração da fé chamada de shahada: “Confesso que não há outro deus a não ser alá e que Maomé é o profeta de Alá”. Essa frase tem que ser dita pelo muçulmano ao levantar e antes de dormir.

2- O ritual de oração realizado cinco vezes por dia por todos os islâmicos acima de 10 anos. A oração é feita em direção à cidade de Meca, na Arábia Saudita.

3- Observar o jejum durante o mês sagrado do Ramadã (tempo especial para oração intensa e auto-exame), que ocorre no nono mês do calendário islâmico.

4- Dar esmolas aos pobres, o equivalente a 2,5% das economias de um ano.

5- Pelo menos uma vez na vida , fazer o hajj, a peregrinação à cidade de Meca (durante o hajj, o islâmico se dedica inteiramente a Alá). Cada peregrinação costuma reunir dois milhões de muçulmanos de todo o mundo em Meca. O alvo da peregrinação é a caaba, construção em forma de cubo na qual se reverencia um meteorito negro que fica no centro da grande mesquita em Meca."

Para a próximas décadas não se sabe qual será a vertente religiosa com mais poder de influência sobre os destinos da humanidade. Tem-se apenas a certeza que tanto cristianismo como Islamismo, disputarão a crença e a fé divina do ser humano.

Via: Mistérios Antigos. Fonte:BBC.

Leia Mais ►

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger