quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

Economia: pesquisa mostra que quase metade dos brasileiros não controlam o próprio orçamento

Uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito SPC Brasil), mostra que até 48% dos brasileiros não adotam nenhum método para controlar o próprio orçamento. A pesquisa revelou ainda que desse percentual, 25% dos entrevistados confiam apenas na memória para anotar despesas.

Outros 20% não registram ganhos e gastos, e 2% contam com terceiros para tal tarefa. Segundo o levantamento, a maioria dos outros 52% de brasileiros que utilizam alguma forma de controle de finanças, o fazem de forma inadequada e não constante. 

A maior parte (39%), anotam os gastos pessoais somente na hora em que são feitos e 27% só contabilizam esses gastos no final do mê. Apenas 33% dos entrevistados fazem um planejamento mensal dos gastos, com antecedência, considerando a expectativa de receitas e despesas do mê seguinte. 

A pesquisa revelou ainda, que os itens que os entrevistados (60%) menos anotam são o dinheiro investido, que casa ou na conta corrente. Além dos gastos não essenciais, como lazer, transporte, salão de beleza, compra de roupas e refeições fora de casa, controlados por apenas 57% dos entrevistados. 

Por outro lado, o levantamento demonstra que 92% das pessoas que responderam a pesquisa, têm algum controle com gastos essenciais, como contas de casa, mantimentos, aluguel e condomínio, enquanto 79% responderam quê tem anotam compras parceladas no cartão, cheque ou crediário que vencem no mês seguinte. 76% disseram que anotam rendimentos , como salários, aposentadorias e pensões.

Dentre aqueles que usam algum método de controle do orçamento, 61% relataram que têm dificuldades. Desses, 21% devido a renda varável, 20% por falta de disciplina e 7% alegaram falta de tempo. Apenas 38% afirmaram não ter dificuldades. 

De acordo com a pesquisa, 78% das pessoas ouvidas disseram que conseguem terminar o mês com as contas pagas e o restante (33%) disseram que não sobra nada do orçamento mensal. 22% disseram que frequentemente deixam de pagar seus compromissos.

Foram entrevistadas 813 consumidores, em 27 capitais do País, de todas as classes sociais e ambos os gêneros. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para baixo ou para cima e o percentual de confiança é de 95%. 

Fonte: UOL
Imagem: reprodução/reprodução

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger