quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Sertanejos foram pedir a Bolsonaro o fim da meia-entrada

Do Estadão - O presidente Jair Bolsonaro garantiu apoio às demandas de artistas sertanejos durante cerimônia no Palácio do Planalto, nesta quarta-feira, 29, em homenagem a eles. Segundo Bolsonaro, o Legislativo "tem lá suas divisões", mas é possível convencê-los a aprovar determinadas pautas.

"Alguns de vocês (artistas sertanejos que o apoiaram na eleição) até perderam contratos e foram perseguidos, mas isso não foi em vão. No que depender de mim, em se apresentando a proposta, levaremos ao ministro Jorge Oliveira (responsável pela subchefia de Assuntos Jurídicos da Presidência), e, não encontrando óbices jurídicos e constitucionais, nós apresentaremos decreto o mais rápido possível, ou projeto de lei", disse Bolsonaro. 

De acordo com o presidente, a "causa dos sertanejos é mais do que justa", mas não especificou quais seriam as demandas. O objetivo, afirmou, é facilitar o trabalho dos artistas desse gênero musical para que eles "continuem a levar alegria para a população".

O evento reuniu duplas sertanejas como Bruno e Marrone, Cesar Menotti e Fabiano, Henrique e Juliano, João Neto e Frederico e Matheus e Kauan. O ator Dedé Santana também estava entre os presentes. (...)

Imagem/reprodução

RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger