quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Jader Barbalho toma posse e seu filho rouba a cena

O senador Jader Barbalho (PMDB-RR), tomou posse na tarde desta Quarta feira (28). Ele foi o segundo mais votado no Pará nas eleições de 2010. Foi enquadrado com "Ficha suja" por ter renunciado ao cargo em 2001 para escapar de processo de cassação. Para quem não lembra, o senador foi denunciado por desvio de verba pública (SUDAM), para um projeto particular de um ranário. O desvio foi em torno de R$ 9,6 milhões. Barbalho foi confirmado no cargo após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) definir que as regras de inelegibilidade da Lei da Ficha Limpa não seriam aplicadas em 2010.


Em seu discurso de posse, o senador disse que seu maior adversário foi o "Ficha Limpa". Lei que foi aprovada durante o governo de Lula, depois de muita pressão popular e de vários setores da sociedade. Infelizmente, livrou a cara de muitos "fichas-sujas" que continuarão na política pelo menos mais 4 anos.

Pelos quatro dias do mês de Dezembro, o nobre representante do povo, vai levar mais ou menos R$ 3.500,00. Mais uma ajuda de custo de R$ 26,7 mil paga a todo parlamentar no final do ano. Além de receber integralmente o salário de janeiro, de R$ 26,7 mil.    

Após a cerimônia, em sessão extraordinária do Senado, o parlamentar concedeu entrevista coletiva junto com sua família. Seu filho mais novo, Daniel Barbalho, de 9 anos, foi quem roubou a cena. O menino chamou a atenção de jornalistas e fotógrafos com uma série de caretas debochadas durante a entrevista.


 Imagem reprodução/estadao.com.br/Foto: Beto Barata/AE


 Imagem reprodução/estadao.com.br/Foto: Beto Barata/AE


 Imagem reprodução/estadao.com.br/Foto: Beto Barata/AE


 Imagem reprodução/estadao.com.br/Foto: Beto Barata/AE

O menino até levantava o dedo, como se fosse repórter, para fazer perguntas ao senador. No final o pai ouviu uma pergunta do filho sobre qual era a principal denúncia de um vereador do PMDB, e o senador corrigiu. "Filho, é senador". O garoto, então, retrucou. "Tanto faz, senador, vereador". Em tom de brincadeira, Jader respondeu. "Rapaz, tu não sabe o que é essa gente", falou ao filho, referindo-se aos jornalistas.

O senador disse que não almeja cargo maior. Como a liderança do partido, por exemplo. "Chego com humildade, como um recruta se apresentando", concluiu. Já o seu caçula...



Com informações da folha.uol.com.br/poder e blogs.estadao.com.br/radar-politico.
Imagens: estadão.




     
RSS/Feed: Receba automaticamente todas os artigos deste blog.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente e compartilhe. Seu comentário é muito importante para agregar valor à matéria. Obrigado.

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger