Mostrando postagens com marcador Motivação. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Motivação. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Frases de motivação no cinema [vídeo]


Leia Mais ►

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Não tenho tempo. Reveja seu ponto de vista.


Profissionais do mundo corporativo em todos os segmentos, reclamam muito da falta de tempo. Não só ali, mas de um modo geral em qualquer atividade humana, a grande maioria das pessoas vive se queixando que não dá tempo para nada. Como então aproveitar ao máximo o tempo que temos, conciliando vida profissional e vida pessoal?
Leia Mais ►

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Motivacional do Corinthians a caminho do estádio [vídeo]

A comissão técnica do Corinthians reuniu em um vídeo, mensagens de apoio e incentivo aos jogadores. A caminho do estádio de Yokohama, no Japão, os atletas do Timão assistiram cenas do dia-a-dia da equipe com depoimento motivacional de seus familiares. Certamente serviu para aumentar a gana corintiana que acabou conquistando pela segunda vez, o título de campeão mundial de clubes frente à poderosa equipe inglesa do Chelsea.
Leia Mais ►

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Ted Talk - A verdade sobre o que nos motiva [vídeo]

Uma palestra rápida, porém imperdível, sobre fatores motivacionais. Dan Pink, autor do livro, Drive -The surprising truth about what motivates us (Unidade - A surpreendente verdade sobre o que nos motiva), ressalta que os ditos fatores extrínsecos, já não correspondem às necessidades das pessoas no trabalho. Antigos conceitos de recompensa e castigo, limitam a capacidade criativa dos colaboradores, e influem diretamente nos resultados da organização. A filosofia do morde e assopra torna-se obsoleta, dando lugar a importância dos valores intrínsecos. O foco, agora, é a autonomia, o domínio, o propósito final. Oferecidos às pessoas enquanto estas realizam as tarefas sob sua responsabilidade.

Leia Mais ►

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

A chave mestra do sucesso.

Em meados do mês de Julho deste ano, foi postado no youTube uma verdadeira relíquia na área de desenvolvimento pessoal, que muitos chamam de auto-ajuda. Uma série de vídeos imperdível, filmada em 1960 onde o escritor Napoleon Hill, apresenta 13 dos 17 princípios para se obter a Chave Mestra do Sucesso. Hill, é o autor do best-seller "Pense e Enriqueça" que vendeu mais de 30 milhões de cópias e continua sendo vendido em várias línguas. A série, traduzida e legendada, foi publicada na Internet pela empresa Primeau Productions. Confira que os conceitos divulgados continuam válidos, e podem ajudar muito as pessoas no caminho para o sucesso em vários aspectos da vida.
Leia Mais ►

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Coisas que você acha que te farão feliz.

O decálogo abaixo foi elaborado por Matthieu Ricard. Ele é um monge budista que mora em um monastério, no Nepal. Ricard, foi submetido a uma experiência científica, e através do resultado ficou conhecido como "O homem mais feliz do mundo". Trabalhou no Instituto Pauster, afim de obter Ph.D. em genética molecular. Após concluir sua tese de Doutorado, abandonou a carreira científica para se dedicar à prática do Budismo tibetano. Veja também a série em vídeos onde Ricard, discorre sobre os hábitos da Felicidade.

Leia Mais ►

sábado, 31 de julho de 2010

Motivação - do mito para a realidade.

O assunto ocupa espaço considerável na grande rede. São milhões de estudos, livros, e sites a promover a importância desse assunto. Tanto que beiramos à banalização, ao ponto de esquecermos que a motivação é a força propulsora de todas as nossas ações, tanto no universo profissional quanto na vida pessoal. Quando abrimos os olhos ela se manifesta diretamente do nosso interior.  Se, ela estiver lá.
Leia Mais ►

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Dois motivacionais para ver e rever ao longo do ano.


Aproveita o máximo do teu tempo por aqui. Tempo é a única coisa que você não pode controlar. Valorize cada segundo. Faça com que tua hora tenha mais de 60 minutos.

Continue perseguindo seu sonho. Realize teus pequenos desejos. O tempo não volta jamais.









Leia Mais ►

domingo, 30 de agosto de 2009

Amanhã tudo muda.

Se você está se sentindo macambuzio e zurumbático, incrédulo e triste, saiba que a única certeza clarividente nesse nosso mundo incerto é a mudança!
Então assista este vídeo em nova versão sobre o tema "Mude", na mesma linha do famoso "use filtro solar". O texto é de Edson Marques e a criatividade das ilustrações é de Camila Bossolan. Resultou em um excelente motivador. Sugiro que veja pelos menos duas vezes. Uma pra ler o texto e outra pra ver as imagens. Amanhã tudo pode mudar.

Clik aqui para ver a edição especial do video e leia os comentários.

Via: Divagações.
Fonte da imagem: Dreams.
PS1: Tem novos links no GARIMPAGUARA. Clik no link acima ou vá direto para o Blog.
Leia Mais ►

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

A busca de um sentido para a Vida segundo Viktor Frankl.

Não teria sentido algum se nossas ações ou decisões não tivessem como objetivo satisfazer uma necessidade pessoal, ou tornar realidade aquilo que tanto almejamos como ideal de felicidade.
Tenho recebido por e-mail muitas mensagens voltadas para o humor, entretenimento, curiosidades, prazer, informações. Conteúdos que me ajudaram a definir sobre a vocação do Blog do Guara, ponderadas evidentemente as reais intenções quanto a forma e finalidade. Mas, além de tudo recebo conteúdos de muito valor, como é o caso do compartilhamento que recebi da Marcia Primo onde solicita minha opinião sobre uma entrevista concedida pelo médico Viktor Frankl, fundador da Logoterapia, que descobri agora ser um sistema teórico e prático da psicologia. Conhecendo superficialmente tal matéria, assisti aos três vídeos da entrevista com muita atenção e pude verificar que o conceito básico da Logoterapia é que a busca do sentido na vida da pessoa é a principal força motivadora no ser humano. Independentemente do sofrimento e das circunstâncias que esta pode nos apresentar. Isto é, acontecimentos ou fatos que não podemos mudar. Que a superação dos obstáculos está vinculada a uma decisão pessoal, não importando as nossas condições físicas ou psicológicas.
Que devolve a pessoa a condição de ser humano, que circunstâncias e sofrimentos possam ter-lhe tirado em algum momento.
Dr. Viktor Emil Frankl, foi um dos sobreviventes dos campos de concentração. Enquanto muitos acreditavam que morreriam em uma câmara de gás, ele desenvolveu a força espiritual que fez com que descobrisse os males provenientes do espírito. Nascidos "da experiência do absurdo, da perda do sentido da vida".
Nos campos de Auschwitz, a busca do sentido da vida estava na certeza do reencontro com pessoas queridas.
Os conceitos da Logoterapia do Dr. Viktor Frankl leva-nos a uma séria reflexão sobre concentrar-se na busca do sentido da nossa vida. Apesar dos sofrimentos, e em que circunstâncias ela está acontecendo.



Canal: gilbertoedson.

Parte 2: http://www.youtube.com/watch?v=mBxVZTbi6q4&feature=related
Parte 3: http://www.youtube.com/watch?v=TXB85tjjJg8&feature=related



Poderá gostar de ler: Identifique tua verdadeira motivação.
Determinação.
Onde você estará daqui a cinco anos?
Leia Mais ►

sexta-feira, 31 de julho de 2009

A essência da liderança.

O autor de um dos mais famosos livros sobre Liderança, James C. Hunter, inicia o prólogo com as seguintes palavras: "As ideias que defendo não são minhas. Eu as tomei emprestado de Sócrates, roubei-as de Chesterfield, furtei-as de Jesus. E se você não gostar das ideias deles, quais seriam as ideias que você usaria?" (Dale Carnegie).
Este best seller, através dos seus fascinantes personagens, apresenta-nos conceitos sobre a base de uma liderança genuína. Não àquela tradicional imposta pelo poder e sim pela autoridade conquistada com amor, dedicação e sacrifício. E diz ainda, conforme consta nas "orelhas", que respeito, responsabilidade e cuidado com as pessoas são virtudes indispensáveis a um grande líder. Ou seja, para liderar é preciso estar disposto a servir. Não tão somente às pessoas com as quais convivemos profissionalmente, mas também com as que estão constantemente presentes em nossa vida pessoal, quer sejam nossos amigos dos grupos sociais a que pertencemos e, exclusivamente aos membros de nossa própria família. Tornando-nos assim pessoas melhores. Pais melhores, esposos melhores, cidadãos melhores.
Em um dado momento, é apresentado aos personagens uma questão relativa a alguma pessoa que estes puderam identificar como um líder. Aquela pessoa pela qual atravessariam uma parede. E que apresentassem uma lista das qualidades de caráter que esta possuía.
Dos itens apresentados coinscidiram os seguintes: - Honestidade, confiabilidade - Bom exemplo - Cuidado - Compromisso - Bom ouvinte - Conquistava a confiança das pessoas - Tratava as pessoas com respeito - Encorajava as pessoas - Atitude positiva e entusiástica - Gostava das pessoas. Segue-se um grande debate se os itens relacionados seriam qualidades, características da pessoa, ou realmente virtudes adquiridas ao longo da experiência de vida.
E você? Identificou alguma pessoa conhecida? Se identificou com esta lista?
Há muito mais no livro que você pode adquirir em um ambiente seguro para efetuar a compra on-line.
Eu, ganhei de presente. Aliás, um dos melhores que já recebi. Me foi de grande utilidade, pois aprendi muito.
No epílogo você pode ter uma descrição exata sobre o provérbio chinês que diz: Uma jornada de duzentos quilômetros começa com um simples passo.



Postagem relacionada: Sobre humildade.
Ética, valores humanos e caráter.
O que vale mais do que ganhar na Mega-Sena.
Valores humanos.
A possibilidade de ser fraterno.
Tu és pó.
Leia Mais ►

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Auto defesa contra atiradores de sapo.

O autor da frase: "política é a arte de engolir sapos", foi o senador Nereu de Oliveira Ramos, presidente do senado de 1946 a 1951. Período que eu nem tinha nascido, mas esta frase ficou na história em virtude da postura pacificadora que tinha o ilustre político diante das demandas que se verificam pelas bandas do congresso nacional até os dias de hoje.
Pensando bem, atualmente engolir sapos é aguentar a a cara-de-pau dos atuais homens públicos. Como não sou genro, nem filho de político de qualquer escalão, tenho que ser "Cobra", por analogia a este réptil, único animal capaz de digerir sem problema o batráquio asqueroso escolhido como símbolo da impostura e da falta de ética que constatamos tanto na vida pública quanto na vida privada.
Vamos trazer a questão para o campo do nosso cotidiano de cidadão comum. Imaginemos se fosse possível colocar em nosso currículo profissional o quesito: "Especialista em engolir sapos de qualquer espécie". Não teria pra ninguém. Você seria o mais forte candidato à vaga. Digo do emprego, não do cargo político.
Você está preparado para a batalha engolindo sapos?
No mundo corporativo das grandes organizações, se você não tiver um estômago forte para enfrentar os atiradores de sapos, na primeira rajada de impropérios e falta de educação você vai sucumbir. No mínimo você vai respirar, ir até o banheiro pegar um pedaço de papel-toalha e torcer, imaginando ser o pescoço do incompetente superior hierárquico que você tem que engolir imaginando-o a dar pulinhos estéricos à sua frente. Até conscientizar-se de que tem um exército dos ditos atiradores a te esperar: os clientes. Armados de incompreensão, humilhação, ironia, desclassificação, falta de respeito. Não que todos pertençam ao mesmo grupo dos cara-de-pau citados acima, mas com a mesma intenção de levar vantagem em tudo.
Falando sério, na verdade a batalha é com você mesmo. É você quem tem que descobrir o antídoto da imunidade contra este exército. Como na parábola, transformar "sapos" em "príncipes" exige tolerância e uma dose muito grande de bom humor. Não há outra saída.
Como diria Rubem Alves - "Ninguém engole sapo de livre vontade. Engole porque não tem outro jeito" - eternizar a raiva causada pelo ato é esperar o dia em que estes atiradores sejam também obrigados a engolir sapos.
Opte por ser "Cobra".

Leia também as postagens: Identifique tua verdadeira motivação.
Evite conflitos no trabalho.
Criatividade.
O motivador de todos os dias.
A fila do Banco, o caixa, e o caixa eletrônico.
Leia Mais ►

domingo, 28 de junho de 2009

Identifique tua verdadeira motivação.

Hoje terminou a copa das confederações onde mais uma vez a seleção brasileira de futebol sagrou-se campeã. Para quem pratica ou praticou a arte do futebol bem sabe que a emoção e a adrenalina que envolve a disputa de uma final é indescritível. Nem de longe é a mesma daquela que sentimos como simples torcedor.
Mas o que é interessante notar é que após converter o gol, o artilheiro ao comemorar a façanha do tento convertido, corre para o abraço de seus companheiros fazendo gestos para homenagear pessoas queridas que o incentivaram para a conquista. Como um beijo na mão, a indicação uma tatuagem, um sinal feito com as mãos, como se fora um código de comunicação íntimo.
Podemos identificar nesta forma de comemoração a força de motivação que conduz a performance deste atleta. Isto é, ele encontra no incentivo pessoal que recebeu das pessoas que ama o verdadeiro motivo para a conquista da vitória.
Muito além disso esses atletas identificaram sua verdadeira motivação na conquista das competições que envolve a prática da modalidade do esporte chamado futebol.
E assim deveria ser em todas as outras áreas da vida.

Existe muita gente interpretando motivação de maneira equivocada. É muito diferente de entusiasmo, euforia ou empolgação. Ela envolve um conjunto ações que nos levam a agir para transformar o mundo em que vivemos, efetivando conquistas para nossa felicidade e por conseguinte a felicidade do próximo e daqueles que amamos.

Como disse Karen Jardzwski, em e-zine da Motivaonline, o sentido da vida passa por dois caminhos: sua evolução espiritual (independente da opção religiosa), e a contribuição efetiva que dará à sua vida. O legado que deixará com sua passagem por este mundo. Uma pessoa de valor é mais importante que uma pessoa de sucesso. Pois o verdadeiro sucesso é consequência de uma vida de valor.


Entusiasmo, euforia, empolgação podem ser combustíveis para conquistas em pequeno prazo.
A motivação verdadeira envolve um projeto para toda vida.

Para melhor refletir segue um trecho de um artigo do livro Gigantes da Motivação:

"A verdadeira motivação nasce quando você encontra seu papel diante da vida. Jamais a confunda com injeção de ânimo, já que isso equivale a dar uma força, um “empurrãozinho” e dizer a você que algo é possível. É o que faz geralmente a autoajuda. Entenda injeção de ânimo como qualquer situação provocada pela vida, seja a palavra de um amigo, uma experiência ou um livro que possa ser resumido na frase: “Vá em frente, você é capaz e seus sonhos podem ser realizados!” – isso é tudo que a injeção de ânimo fará por você. Ela é breve como um piscar de olhos e não tem poder, é passageira e está longe de ser a verdadeira motivação."

Outro teste simples para identificar nossa verdadeira motivação vem do Dr. Jô Furlan, médico e conferencista:

"Você tem de saber por que vai levantar de manhã, aquela razão que faz a pessoa se levantar a despeito da dúvida, do medo, da insegurança. Só cada um pode descobrir isso, e somente vai encontrar quando estiver disposto a procurar. A partir do momento que você descobrir o que te motiva, pode usar como quiser."


A título de ilustração veja este vídeo. Aproveite o bom humor do palestrante.



video

Veja também: O motivador de todos os dias.
Evite conflitos no trabalho.
Leia Mais ►

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Onde você estará daqui a cinco anos?

O mais recente comercial da Ford pode inspirá-lo a traçar uma meta pessoal a médio prazo.
Independentemente da aquisição deste "carrão" podemos dar uma conotação diferente. Quem sabe dando o passo inicial agora mesmo para concretizar nosso sonho de realização logo adiante. É o foco na meta, sem deixar de viver o momento presente.
Bom demais!



Veja também: Determinação.
Mudar com criatividade em tempos de crise.
Um concurso público para ser uma grande oportunidade.
Leia Mais ►

terça-feira, 19 de maio de 2009

Bem estar com saude e humor.

Os cuidados com nossa saúde requer, necessariamente acompanhamento médico. Digo isso, me dirigindo obviamente aos quarentões e quarentonas ou até mesmo a quem já passou a marca de tempo considerada por muitos como o “começar a viver”, e que já esta pensando na aposentadoria ou até mesmo que já está em pleno gozo deste novo ciclo da vida.

Noves fora a galera dos sobrinhos saudáveis, praticantes de esportes, e livres das garras dos maus hábitos cá entre nós, as perguntas que sempre ouviremos do médico serão:
Como estão os exercícios físicos? Está fazendo as caminhadas? Como tem se cuidado?

Estava refletindo sobre minha condição física quando recebi por e-mail o texto: SAÚDE!...20 conselhos Harvard e Cambridge. Dei umas googladas e verifiquei que tal conteúdo já rola a algum tempo na Internet e o vi publicado em vários Blogs, inclusive em sites específicos sobre Saúde, e de profissionais ligados ao ramo. Se você ainda não conhece o texto clik aqui..
Se já conhece é bom reler para gravar. De qualquer forma são dicas importantes.

E falando em textos por e-mail, recebi pelo menos mais um referente a dicas de saúde. Só que com um ítem a mais referente aos que li na Blogosfera, que continham apenas 10.
Segue o último que diz:
11- DESÂNIMO, APATIA, TRISTEZA, RAIVA, INSATISFAÇÃO
QUE ESTÁ FALTANDO: Dinheiro, meu filho, dinheiro.
ONDE OBTER: Quando eu descobrir, informarei.(?)

Claro! Editado (ou alterado) por não sei quem com muito bom humor, e quero acreditar sem ma fé nenhuma. Não posso afirmar se é o original, mas vá até o VidaSaúde&Beleza para ler outra versão.

Voltando ao assunto segue mais umas dicas tendo como público alvo os integrantes da minha “patota” (como se dizia antigamente) formada pelos(as) cinqüentões(nas), mais “enxutos” (da região) do baixo planalto.
Avalie sua condição física e faça a opção: correr ou caminhar. Isso é fundamental!


Antes de correr, ou caminhar... Lembre-se:

"As semelhanças entre a caminhada e a corrida são muitas. As duas não exigem habilidade específica, agregam praticantes de todas as idades e requerem apenas roupas leves e tênis confortável.
Mas, então, por que não começar logo correndo - atividade física que, justiça seja feita, proporciona um gasto calórico maior? A resposta é simples: porque os riscos de lesões ortopédicas e cardiovasculares desse exercício também são maiores.
Principalmente para quem não está habituado a praticar atividades físicas regularmente. Para correr, um indivíduo dá cerca de 600 passadas por quilômetro.
Durante a caminhada, são necessárias apenas 200 para percorrer a mesma distância. Durante a corrida, os pés aguentam um impacto até seis vezes maior que o peso do corpo.
Na caminhada, a força deste efeito cai para apenas duas vezes. "A corrida é um exercício físico de maior impacto que a caminhada.
Por isso mesmo, o risco de alguém sofrer uma lesão no calcanhar, no joelho ou até mesmo na coluna é maior correndo do que simplesmente caminhando", adverte o ortopedista Fábio Ravaglia.
"

Fonte: Viva Saúde.

Inspire-se...


.

"Você pode contar muitos anos de vida e ser jovem. A idade cronológica não é mais importante do que essa juventude espiritual que você pode mostrar a todos os que contemplam o seu sorriso e bondade. Pense sempre que a arte de viver é morrer jovem, o mais tarde que puder."
Leia Mais ►

quinta-feira, 14 de maio de 2009

O video mais visto do You Tube.

Judson Laipply é um americano palestrante motivacional e dançarino. Ele é mais conhecido pelo video da Evolução da Dança, que é atualmente o campeão de acessos no You Tube.

Jud, caminha para repetir o sucesso com uma segunda versão que segue atualmente como um dos mais vistos.
Os dois videos mostram o artista a desempenhar danças variadas desde a década de 50.

O instrumental do bom humor, torna-se imprescindível à motivação para qualquer atividade do bem viver. Aliás, uma das vocações deste espaço.

Curta os dois videos. Você vai se sentir bem. Garantimos.






Postagem relacionada: Roda de pogo - A dança punk.
Leia Mais ►

quinta-feira, 16 de abril de 2009

A possibilidade de ser fraterno.

Navegando por aí me deparei com um artigo que me chamou a atenção.

Inicia assim:

Fraternidade é o amor universal que une todos os membros da espécie humana.
Isso nos faz prever harmonia, união, afeto, cordialidade, comunhão de deveres e de direitos.
Como é de emocionar o significado da palavra fraternidade! Mas, podemos nos perguntar: - Isso existe entre os seres que fazem parte da espécie humana?
Essa definição como tantas outras são um conjunto de palavras feitas e montadas para emocionar.
Olhem o mundo que nos cerca, observem atentos os noticiários, que vamos nos achar lançados em um estado de falsas avaliações, de sérios aparentes e de verdades aparentes, quando as aparências não são verdades.
Tudo em vão, tudo em ruínas, porque os diferentes, com as suas diferenças, falavam e falam que somos todos iguais. Iguais em quê?


Ideologias à parte, o autor adepto da Cultura Racional, questiona o conceito da fraternidade e da Igualdade e nos faz refletir quanto ao comportamento não só das pessoas, mas também das nações. Antes de mais nada, leia o restante do artigo para melhor refletir.

Dentre as críticas à esta ideologia "está o fato de ignorar estudos científicos e filosóficos de milênios, ao trazer respostas prontas para perguntas amplamente discutidas nessas áreas", para as quais ainda não existe um consenso. De qualquer forma, a opinião do autor, Porfírio Jesus Das Neves, levamos a lembrar da importância das campanhas de exortação às pessoas a praticarem tais conceitos. Como faz a Igreja católica todos os anos, escolhendo um tema relevante e que diz respeito ao bem estar de todos.
Praticar fraternidade não apenas na empolgação do momento, mas como uma virtude que leve à conquistas dos bens universais que toda a humanidade necessita, é um dever de todo o ser humano. Isto é, o de nos ajudarmos uns aos outros com amor, a viver uma vida digna, livres da miséria, dos vícios, e da ignorância. E, não sòmente quando somos castigados por alguma calamidade.


E por falar em campanha, e por gostar muito de publicidade, cuja finalidade acho que é conduzir as pessoas ao livre pensar e agir de um certo modo, já tinha conhecimento deste trabalho encomendado por uma instituição bancária, que muito me diz respeito. Veja como não é só publicidade, mas um incentivo a nossa sonhada fraternidade.



Leia também: Valores humanos.
Leia Mais ►

quarta-feira, 1 de abril de 2009

O motivador de todos os dias.

Um dos mestres do qual sempre lembro, ao apresentar uma questão baseada em matéria ja vista - dizia: agora vou fazer uma pergunta sobre o que já foi ensinado aqui, ainda esta semana...lançava a questão... e em seguida falava - Quem sabe a resposta não responda. Era uma maneira de levar toda a turma a raciocinar e lembrar daquilo que fora dito sobre o assunto. Passados alguns poucos minutos escolhia uma pessoa para falar sobre o que havia perguntado.
Jamais esqueci disso. A quem solicitava falar, geralmente não sabia o que estava se passando.
Depois de um longo tempo, percebi que a estratégia do mestre era levar todos a se concentrar nos ensinamentos que estavam sendo ministrados, sem que sempre os mais espertos respondessem na frente dos outros. Esses sempre ocupavam os primeiros bancos da sala, eram os mais dedicados. A manisfestação jamais vinha da turma do meio, nem muito menos da "turma do fundão".
Então, como este Blog não tem a pretensão de tomar assento nas primeiras cadeiras, nem pertencer a ala "Cult" da Blogosfera, justifico e tento explicar o porque do Link "The Daily Motivator", do iluminado Ralph Marston, figurar entre os preferidos deste aprendiz de blogueiro.
Como fui inquerido por alguns dos meus sobrinhos, alegando que nem todos os nossos queridos leitores dominam fluentemente o idioma original do referido site, apesar de acreditar que hoje em dia a grande maioria já possui o básico, como eu, vamos fazer algumas considerações, lembrando da estratégia do mestre no passado. Quem já sabe... pode continuar lendo.

Veja um texto original do Site:

Responsible

You cannot avoid responsibility. You can either suffer the painful consequences of ignoring it, or you can enjoy the outstanding benefits of acknowledging and accepting responsibility.
You are responsible for your life and for the world around you. When you feel the full extent of that responsibility, and connect it to your authentic purpose, you can do truly amazing things.

Why would you want to accept responsibility for circumstances that are not of your making? Because responsibility gives you the power to change things.

If something affects you, then you have the opportunity to be positively and creatively responsible for it. Even if you didn't create the situation, you can still make the very best of it.

Responsibility is not some burden that is heaped upon you. On the contrary, it is a powerful and effective tool for moving your whole world in the direction you choose.

Invest your awareness, attention, effort and commitment in the responsibility that is yours. And enjoy the dividends that come from truly making a difference in the world.

-- Ralph Marston

Agora Clik aqui, e cole este texto para traduzir. Vai ficar assim:



Responsável

Você não pode evitar a responsabilidade. Você pode sofrer as consequências dolorosas de ignorar isso, ou você pode desfrutar da excelente benefícios de reconhecer e aceitar responsabilidades.
Você é responsável por sua vida e para o mundo em torno de você. Quando você sentir toda a dimensão dessa responsabilidade, e ligue-o à sua fé efeito, você pode fazer coisas realmente incrível.

Por que você quer aceitar a responsabilidade por circunstâncias que não são da sua tomada? Responsabilidade, porque lhe dá o poder de mudar as coisas.

Se há algo que afeta você, então você tem a oportunidade de ser positiva e criativa responsável por ela. Mesmo se você não criar a situação, você ainda pode fazer o melhor dela.

A responsabilidade não é um fardo que é heaped sobre você. Pelo contrário, é uma ferramenta poderosa e eficaz para mover todo o mundo na direção que você escolher.

Invista seu conhecimento, atenção, esforço e empenho em que a responsabilidade é sua. E aprecie os dividendos provenientes de verdadeiramente fazer uma diferença no mundo.

- Ralph Marston

Dá pra se ter uma noção clara do que o autor quer transmitir, não é mesmo?

Então, clicando aqui, e aumentando o som, nos podemos captar o sentido de uma belíssima mensagem. Para os integrantes da turma do meio da sala e a "turma do fundão" que não conseguirem (como eu não consegui) ler o texto em sua totalidade, curtam o som e a imagem, talvez, como eu possam ir mais longe. E para os que integram a turma da frente, e que conseguiram ler até aqui, colaborem com a gente, mandem pra nós uma tradução mais certinha, enquanto não chegamos lá. E desde já recebam nosso afeto.

Como acredito ser a Motivação um dos instrumentos mais valiosos para conseguir atingir nossos objetivos, verifiquem o resumo de palestra no video abaixo, que cativa pela simplicidade (tem até som sertanejo) além de prender a atenção, e criar um clima realmente motivator, digo, motivador.



Postagem relacionada: Criatividade.
Leia Mais ►

quarta-feira, 11 de março de 2009

Opiniões sensatas sobre a crise.


A crise existe. Faz muito tempo que não se escutava e não se falava tanto sobre crise como nos momentos atuais, cujos agravantes todos sabem vem dos nossos irmãos do norte, o que nos faz sentir um pouco mais incrédulos quanto ao tempo que teremos de conviver com as conseqüências dos erros cometidos na terra do Tio Sam por executivos inescrupulosos e por que não dizer gananciosos, gestores de uma operação financeira equivocada no mercado imobiliário daquela que seria a nação mais respeitada com vistas ao seu potencial econômico.

Apesar de grandes alardes perpetrados através da mídia, superdimensionado os efeitos desta bomba mercadológica, e contando os excessos teóricos dos economistas, haveremos de nos posicionar com o devido equilíbrio e seriedade diante do pessimismo que pode tomar conta da nação e do indivíduo. Conquanto, há um grande contingente envolvido nesse processo, “peleando” e ajustando seu próprio potencial para superação de novas metas que se apresentam.
Estivemos “garganteando” por aqui com algumas proposições, ilustrações e opiniões tentando entender melhor a engrenagem ou o efeito dominó provocado na economia de diversos países. Inclusive o ilustre sobrinho, Adriano Cordeiro (co-editor) ignorando a onda, fugiu para paradisíacas areias de Guarapari (coisa que deveríamos fazer pra melhor refletir e recarregar as baterias para novos combates), deixou AQUI uma bela postagem sobre este assunto, ou melhor, sobre este fato real, que tem tirado o sono e o apetite de muita gente.
Ontem, conversando com um “importante funcionário-executivo” de uma multinacional com sede aqui no Brasil onde muitas empresas somaram grandes perdas devido ao reflexo nos mercados em geral. Chegamos a conclusão de que, não obstante os sacrifícios e o esforço adicional de cada cidadão, a crise traz a satisfação do cumprimento do nosso dever enquanto responsáveis que somos pela superação e a “solucionática” dos problemas.
Sem querer filosofar, (coisa que gostamos e fazer de quando em quando) me lembro de um ditado popular que gostávamos de mencionar nos velhos tempos em que enfrentamos situações semelhantes e igualmente sacrificantes: "quando a água bate no traseiro, pra não dizer (b@nd%) outra coisa, neguinho aprende a pular miudinho". Isto é, na adversidade é que temos a chance de obter sucesso quebrando a rotina, o conformismo, e a mesmice em relação às nossas funções ou empreendimentos, pois são estes a razão da atividade lucrativa ou do nosso meio de sobreviver, e com os quais estaremos sempre envolvidos de qualquer maneira. É através dos golpes inesperados das famigeradas crises é que poderemos saborear com dignidade, a glória e o prazer dos louros da vitória quer na vida pessoal, quer na vida profissional.
Joelmir Betting, renomado comentarista econômico, jornalista e ancora da TV, mencionou que, o Brasil será o primeiro país a sair da crise, enumerou algumas “máximas” do nosso ministro da Fazenda, Guido Mantega. Entre elas uma pronunciada em 26/02/2009 e repetida no dia seguinte: “Na queda dos grandes Bancos se demonstra o erro de fundo: a avareza humana e a idolatria”. Reserve-se quanto ao peculiar estilo irônico do nobre jornalista, e click aqui para conhecer outras. Em seguida reflita com o texto abaixo, que li no Diplomatizzando e devidamente guardado no GARIMPAGUARA.

A crise segundo Einstein

"Não pretendemos que as coisas mudem, se sempre fazemos o mesmo. A crise é a melhor benção que pode ocorrer com as pessoas e países, porque a crise traz progressos. A criatividade nasce da angústia, como o dia nasce da noite escura. É na crise que nascem as invenções, os descobrimentos e as grandes estratégias. Quem supera a crise, supera a si mesmo sem ficar "superado".

Quem atribui à crise seus fracassos e penúrias, violenta seu próprio talento e respeita mais aos problemas do que às soluções.

A verdadeira crise, é a crise da incompetência. O inconveniente das pessoas e dos países é a esperança de encontrar as saídas e soluções fáceis.

Sem crise não há desafios, sem desafios, a vida é uma rotina, uma lenta agonia. Sem crise não há mérito. É na crise que se aflora o melhor de cada um. Falar de crise é promovê-la, e calar-se sobre ela é exaltar o conformismo. Em vez disso, trabalhemos duro. Acabemos de uma vez com a única crise ameaçadora, que é a tragédia de não querer lutar para superá-la"

Albert Einstein .


Assim como um belo gesto, igualmente as imagens valem por mil palavras. No entanto, se pronunciadas com conhecimento de causa e de forma sensata e honesta produzem efeito equivalente. Por isso separei este vídeo do Godri (um dos meus fantásticos gurus), para finalizar.



Postagens relacionadas: Crise e mercado: uma opinião no outro lado da moeda.
Mudar com criatividade em tempos de crise.
Não perca o Bom Humor diante da crise.
Outra maneira simples de entender a crise.
Dinheiro e crise: quem é quem?
Leia Mais ►

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

O QUE VOCÊ ESTÁ ESPERANDO?


O que você está esperando para seguir um bom conselho? Talvez a hora que irá precisar? Acha que o blá-blá-blá dos seus avós não tem valor? A experiência dos "Tios" está ultrapassada e hoje existem conceitos novos pra ser feliz?
Um conselho dado por alguém seja lá quem for, só terá real valor quando começa a ser seguido(!?). Não podemos desprezar a sabedoria dos mais velhos, nem a lição de erros passados.
Enfim, como diriam os sábios, as palavras uma vez proferidas ficam vagando no espaço infinito até o momento de alguém poder ouví-las.
Os ensinamentos, as informações, as descobertas, quais sejam escritas, faladas, vistas, veinculadas de boca-a-boca, ou através de imagem não teriam valor algum senão aplicadas no dia-a-dia para a resolução de problemas que normalmente surgem em nossa existência. Reparou nisso?
Dizem que, se conselho fosse bom ninguém dava, mas se tivessemos que comprar um conselho de boa qualidade, certamente não teríamos fortuna suficiente para comprá-lo. Existem coisas de grande importância para nossa sobrevivência que não damos o devido valor, mas se nos faltassem não poderíamos viver sem elas, e se tratando de pessoas, encontramos sérias dificuldades em superar a sua falta.
Agora, pense comigo...



Via: hotsat
Leia Mais ►

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger