Mostrando postagens com marcador redes sociais. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador redes sociais. Mostrar todas as postagens

sábado, 25 de junho de 2022

Por que é incorreto afirmar que institutos de pesquisas "erram" resultados eleitorais

AFP/Brasil: Publicações que circulam desde 14 de junho de 2022 somando mais de 550 mil visualizações nas redes sociais indicam supostos erros ou manipulações em levantamentos feitos por institutos de pesquisa no Brasil. A comprovação disso, segundo usuários, seria a falha na previsão de resultados nas eleições gerais de 2018. Mas especialistas explicaram ao AFP Checamos que pesquisas são diferentes de prognósticos, e que servem na verdade, para descrever como está a opinião pública em um momento específico: o espaço de tempo delimitado na pesquisa.

Leia Mais ►

quinta-feira, 2 de junho de 2022

Chama o Musk! Por Fernando Brito

Por Fernando Brito, no DCM, em 01/06/2022: Quem acompanha as redes sociais certamente reparou como, do Datafolha para cá, caiu a afluência (e a influência) do bolsonarismo nas redes sociais, especialmente do Twitter, o microblog que vai ser (ou não?) de Elon Musk, o neoTrump da extrema direita.
Leia Mais ►

terça-feira, 31 de maio de 2022

Redes sociais: Canais bolsonaristas têm receita milionária com fake news sobre a eleição, mostra levantamento

Um levantamento promovido pelo jornal O Globo e pelas empresas Novelo Data e Bites aponta que canais alinhados ao presidente Jair Bolsonaro (PL) embolsaram até 1 milhão de reais com 1.960 vídeos no YouTube, os quais somam 57,9 milhões de visualizações.

Leia Mais ►

segunda-feira, 30 de maio de 2022

Direita cooptou redes sociais e mundo jurídico se acovardou, diz Alexandre de Moraes

No Conjur: O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, disse nesta sexta-feira (27), em São Paulo, que o populismo de extrema direita busca dominar as redes sociais com objetivos antidemocráticos.
Leia Mais ►

segunda-feira, 23 de maio de 2022

Bolsonaro compartilha artigo que fala em golpe do STF

Poder360: O presidente Jair Bolsonaro (PL) compartilhou em seus grupos de mensagens neste domingo (22) um artigo do jornalista José Roberto Guzzo, conhecido como J.R. Guzzo, para a Revista Oeste e reproduzido no site Jornal da Cidade Online - foi o link postado pelo atual chefe do Executivo.

Leia Mais ►

quarta-feira, 11 de maio de 2022

Grupo bolsonarista é suspenso pelo Telegram

Publicado por Caique Lima, no DCM: O Telegram suspendeu um dos principais grupos bolsonaristas da plataforma. O "super grupo B-38 oficial", que tem 67 mil seguidores, foi tirado do ar pelo aplicativo de mensagens. Os apoiadores do presidente que tentaram acessá-lo se depararam com a mensagem de que ele está "temporariamente inacessível para dar aos administradores tempo para remover as mensagens de usuários que postaram conteúdo ilegal".
Leia Mais ►

sábado, 23 de abril de 2022

Ministro Barroso recomenda leitura e música que condenam os horrores da ditadura

Por Alessandro Fernandes, no DCM: O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi às redes sociais sugerir leituras, pensamentos e músicas sobre o período da ditadura militar vivido no Brasil entre 1964 e 1985.

Leia Mais ►

quinta-feira, 21 de abril de 2022

André Mendonça rebate ataques de evangélicos e bolsonaristas: "Convicção de que fiz o correto"

Publicado por Daniel Cesar, no DCM: O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) André Mendonça usou as redes sociais nesta quinta-feira (21) para rebater os ataques que vem recebendo de bolsonaristas e evangélicos. Ele voltou a explicar as motivações de seu voto pela condenação do deputado federal Daniel Silveira (PTB) e reiterou ter certeza de que fez o correto, embora esteja sendo massacrado na trupe de Jair Bolsonaro (PL).

Leia Mais ►

quarta-feira, 20 de abril de 2022

MPF pede que WhatsApp adie megagrupos para 2023

Redação Bem Paraná, com agências: O Ministério Público Federal questionou o WhatsApp sobre a possibilidade de estender, para o início de 2023, o adiantamento da implementação, no Brasil, da nova funcionalidade da plataforma que vai permitir que uma mensagem chegue a milhares de usuários. A Procuradoria aponta riscos que um 'aumento de viralização de conteúdos potencialmente desinformados pode trazer' para os direitos fundamentais de participação política dos brasileiros e para a integridade das instituições democráticas nacionais.
Leia Mais ►

quinta-feira, 14 de abril de 2022

STF alerta para disseminação de fake news sobre fala de Barroso espalhada por bolsonaristas

O Supremo Tribunal Federal (STF) fez um alerta nesta terça-feira (12) sobre uma fala do ministro Luís Roberto Barroso que foi tirada de contexto em publicações nas redes sociais por bolsonaristas. No fim de semana, o magistrado disse, entre outras coisas, que é preciso "não supervalorizar o inimigo", o que foi visto por eles como ataque ao presidente Jair Bolsonaro (PL).
Leia Mais ►

sexta-feira, 8 de abril de 2022

Facebook e Instagram removem contas vinculadas a militares por desinformação sobre a Amazônia

Por Redação Ucho.info: A Meta, proprietária do Facebook e do Instagram, anunciou nesta quinta-feira (7) que removeu uma rede de perfis falsos ligados a militares brasileiros que promoviam a desinformação sobre questões ambientais, como o desmatamento da Amazônia.
Leia Mais ►

terça-feira, 5 de abril de 2022

Impacto das redes sociais nas eleições dependerá do 'olho vivo' da Justiça

Reportagem de Ivan Santos, no Bem Paraná: Se nas eleições de 2018, as redes sociais e aplicativos de mensagens tiveram um papel central no debate político, para 2022, as atenções estão ainda mais voltadas ao ambiente digital, agora sob vigilância reforçada. Na avaliação de especialistas, elas continuarão concentrando boa parte da arena de discussão, mas seu efeito vai depender da capacidade das instituições em especial da Justiça Eleitoral, de coibir a difusão de "fake news" contra o próprio sistema e os concorrentes na disputa.
Leia Mais ►

domingo, 27 de março de 2022

Como derrotar o bolsonarismo nas redes sociais? Uma crítica construtiva às esquerdas em 2022

O jornalista e escritor Cesar Calejon tem dedicado seus últimos anos de trabalho a pesquisar a ascensão do bolsonarismo no Brasil. Ele tem lançado luz sobre um debate primordial para a campanha eleitoral de 2022: como as forças democráticas podem driblar o domínio do "gabinete do ódio" de Jair Bolsonaro nas redes sociais?

Leia Mais ►

segunda-feira, 21 de março de 2022

Eleições 2022: entenda as diferenças entre Telegram e WhatsApp

www.seuguara.com.br/Telegram/WhatsApp/eleições 2022/STF/TSE/
O número praticamente ilimitado de participantes em grupos no Telegram e o uso de ferramentas de programação aberta estão entre as principais diferenças da plataforma em relação a concorrentes como o WhatsApp. Ainda, a falta de representação no Brasil e a ausência de mecanismos que coíbam a distribuição de desinformação colocaram o aplicativo no centro de discussão sobre as eleições diste ano no Supremo Tribunal Federal (STF) e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Leia Mais ►

MPF cobra Telegram para explicar como enfrenta desinformação

Publicado por Bernardo Gonzaga, no Poder360: O MPF (Ministério Público Federal) enviou ofício aos advogados do Telegram neste domingo (20) para que preste informações, no prazo máximo de 10 dias úteis, sobre a política de enfrentamento da rede social em relação a práticas de desinformação e violência digital no Brasil.

Leia Mais ►

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2022

Política: Carlos Bolsonaro liga PT à facada e desencadeia "plano Cohen Tabajara"

Por Plínio Teodoro, no Fórum: Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) deu sequência neste domingo (13) ao que foi classificado pela jornalista Hildegard Angel como "plano Cohen Tabajara" sobre a estratégia em curso de relacionar o PT ao atentado cometido por Adélio Bispo contra Jair Bolsonaro (PL) durante a campanha presidencial em 2018.

Leia Mais ►

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2022

Política: Fake News entre evangélicos contra Lula miram campanha eleitoral

Circulam por grupos de WhatsApp entre evangélicos dezenas de Fake News contra os pré-candidatos à Presidência em 2022, Lula e Sergio Moro. Principal base de apoio do atual presidente Jair Bolsonaro, evangélicos colocam na mira e compartilham as mentiras e difamações, sobretudo, contra o líder do PT.
Leia Mais ►

segunda-feira, 24 de janeiro de 2022

Eleições 2022: 'Zero dois' vai comandar redes sociais

Via: Bem Paraná - A intenção de profissionalizar o marketing da campanha à reeleição o presidente Jair Bolsonaro esbarrou no vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). Ao filho "zero dois" é atribuída a estratégia da campanha digital vitoriosa do presidente nas redes sociais em 2018.
Leia Mais ►

quinta-feira, 13 de janeiro de 2022

Twitter bloqueia conta do empresário bolsonarista Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan

Do Extra: O Twitter bloqueou, nesta quarta-feira, o perfil do empresário bolsonarista Luciano Hang na rede social. Com isso, ele não pode fazer novas publicações e também não é possível acessar seus posts antigos. Questionada pelo Globo, a plataforma afirmou que "bloqueou a referida conta (@LucianoHangBr) uma vez que a ordem judicial que requer seu bloqueio na plataforma segue em vigor", mas não deu detalhes sobre a medida da Justiça.
Leia Mais ►

sábado, 8 de janeiro de 2022

Exército determina que militares se vacinem, usem máscara e não divulguem fake news nas redes sociais

O comandante do Exército, general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, divulgou um comunicado interno com recomendações a serem seguidas pelos militares, como a vacinação para quem retornar ao trabalho presencial, o distanciamento social, o uso de máscara de máscara e a proibição de divulgar fake news nas redes socais.
Leia Mais ►

Arquivos

Site Meter

  ©Blog do Guara | Licença Creative Commons 3.0 | Template exclusivo Dicas Blogger